Autarca de Santiago do Cacém pede reunião com ministro da Saúde

Autarca de Santiago do Cacém

O presidente da Câmara de Santiago do Cacém pediu uma reunião com carácter de urgência ao ministro da Saúde, devido ao "agravamento" de problemas na área da saúde no concelho, como a falta de médicos e enfermeiros.
Num comunicado enviado à Agência Lusa, Álvaro Beijinha (CDU) explica que pediu a reunião com carácter de urgência a Paulo Macedo "atendendo ao agravamento da situação que se vive no concelho e pela falta de respostas do Governo numa matéria tão delicada".
"As preocupações da autarquia já não são de agora, mas as respostas do Governo continuam a ser inexistentes, com graves prejuízos" para a população do concelho, lamenta.
Segundo Álvaro Beijinha, a população debate-se "com o agravamento de vários problemas" relacionados com a falta de médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde, a diminuição dos cuidados de saúde primários e hospitalares, o fecho de extensões de saúde no concelho e "os já conhecidos problemas" na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA).

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima