Autarca de Barrancos vai apoiar famílias carenciadas

Autarca de Barrancos vai

A ajuda às famílias carenciadas do concelho de Barrancos é a principal "prioridade" assumida pelo recém-eleito presidente do Município, o comunista António Tereno.
"Acima de tudo, vamos privilegiar a ajuda às famílias carenciadas", as quais, devido à crise, "estão a passar um momento muito negro e as dificuldades são muitas", diz à Agência Lusa o comunista António Tereno, que nas últimas eleições autárquicas foi reeleito para um terceiro mandato consecutivo, o último permitido por lei.
A Câmara de Barrancos está a "equacionar" medidas de apoio a carenciados, indica, frisando que a autarquia já apoia várias instituições de solidariedade social do concelho, como o lar de idosos, o qual "só sobrevive com a ajuda" do Município.
"O primordial é ajudar as pessoas e depois fazer o que for possível", frisa António Tereno, avisando que o orçamento da autarquia para 2014 vai ser menor do que o deste ano e será necessário "repartir o mal pelas aldeias".
"Atendendo às condicionantes impostas pelo Orçamento do Estado para 2014, que prevê um corte de quase 85 mil euros nas transferências para a Câmara de Barrancos, é evidente que teremos que repensar muita coisa", diz o autarca.
O corte "vai pesar muito no orçamento em termos de plano de atividades e tudo o mais", alerta.
Segundo o autarca, a Câmara de Barrancos, que "não tem dinheiro para grandes investimentos", pretende desenvolver os principais projectos previstos, sobretudo os do programa de regeneração urbana da vila, mas "à medida das suas possibilidades".

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima