ASAE suspende actividade de fábrica de enchidos em Almodôvar

Chouriços
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) suspendeu a actividade de uma unidade de fabrico de enchidos em Almodôvar, depois de ter detectado a presença da bactéria Listéria monocytogenes num chouriço de sangue.

Em comunicado, a ASAE explica que a suspensão da actividade da fábrica ocorreu no âmbito de uma acção de fiscalização realizada no local pela sua Unidade Regional do Sul, no sentido de verificar o cumprimento das condições higio-sanitárias e técnico-funcionais de laboração.

“Durante a operação, foi encontrado um boletim analítico que confirmava a presença da bactéria Listéria monocytogenes numa amostra de enchidos (num chouriço de sangue)”, revela a ASAE, acrescentando que esta documentação revelou “incumprimento dos critérios microbiológicos aplicáveis aos géneros alimentícios”.

Nesse sentido, “e perante a falta de evidência de qualquer medida correctiva por parte do operador económico, foi determinada a suspensão da actividade da unidade de fabrico face à potencial contaminação das superfícies de trabalho e equipamentos”.

Foram, ainda, apreendidos 360 quilos de enchidos, no valor de 6.120,00”, acrescenta a ASAE, adiantando que na sequência desta acção “foi determinada a abertura de processo de inquérito por indícios de infracção de natureza criminal no que concerne à genuinidade, qualidade ou composição de géneros alimentícios e género alimentício anormal avariado”.

A ASAE revela ainda que, “cumulativamente, foram detectadas infracções de natureza contra-ordenacional por deficiente implementação do sistema de Análise de Perigos e Controlo de Pontos Críticos (HACCP) e por incumprimento de regras aplicáveis em matéria de higiene”.

Opinião

Carlos Pinto

8 de Janeiro, 2021

Entrar em 2021 de “pé esquerdo”

Vítor Encarnação

8 de Janeiro, 2021

Casa do Alentejo

Carlos Pinto

18 de Dezembro, 2020

Pessimismo ou optimismo?

Napoleão Mira

18 de Dezembro, 2020

Um conto de Natal quase verdadeiro

Carlos Pinto

4 de Dezembro, 2020

Uma iniciativa exemplar

Vítor Encarnação

4 de Dezembro, 2020

Corações

Anterior
Seguinte

EM DESTAQUE

ULTIMA HORA

Role para cima