Aluno da Secundária de Castro Verde morre na viagem de finalistas a Lloret del Mar (Actualizada)

Aluno da Secundária de Castro Verde morre na viagem de finalistas a Lloret del Mar (Actualizada)

O jovem de 17 anos que morreu este domingo, 25, em Lloret del Mar (Espanha) era aluno do 12º ano da Escola Secundária de Castro Verde e estava acompanhado por 20 colegas, adiantou à Lusa o director daquele estabelecimento de ensino.
O professor Augusto Candeias disse à Lusa que o jovem que morreu, depois de cair da janela do quinto andar do empreendimento hoteleiro onde estava alojado em Lloret del Mar, era aluno da Escola Secundária de Castro Verde.
O docente referiu que o jovem estudante do 12º ano partiu na sexta-feira, 23, ao final do dia para a viagem de finalistas do ensino secundário, que teve como destino aquela localidade espanhola, com cerca de 20 colegas da mesma escola.
Augusto Candeias adiantou que a escola não esteve envolvida na organização da viagem e que os alunos não foram acompanhados por professores.
“Estamos a fazer tudo o que está ao nosso alcance para garantir que os alunos têm o máximo apoio possível”, referiu o director da secundária de Castro Verde, adiantando que a escola está a tentar contactar “um a um” os encarregados de educação dos alunos que estão em Lloret del Mar.
Augusto Candeias não soube dizer qual foi a agência que tratou da viagem dos alunos da Escola Secundária de Castro Verde.
Fonte policial explicou que as investigações iniciais a este caso apontam para que não se trate de um caso de <i>balconing</i>, prática em que jovens se lançam das varandas dos hotéis onde estão alojados para as piscinas.
Neste caso, testemunhos apontam para a queda do jovem, cujas circunstâncias estão ainda a ser confirmadas, explicou a fonte policial que se recusou a avançar mais pormenores.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima