Administração da ULSBA foi reconduzida até 2022

Administração da ULSBA

O conselho de administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA), liderado por Conceição Margalha [na foto], foi reconduzido para os próximos três anos, adianta ao “CA” fonte oficial da ULSBA. Segundo a mesma fonte, os actuais membros da administração da ULSBA, que integra o hospital de Beja e os centros de saúde da região, cessaram o respectivo mandato a 31 de Dezembro de 2019, mas o despacho conjunto dos ministérios das Finança e da Saúde, “que será publicado em Diário da República oportunamente”, assegura “a continuidade de funções de cinco dos membros do anterior mandato”.
Desta forma, Conceição Margalha vai manter-se como presidente do conselho de administração da ULSBA, acumulando ainda o cargo de directora-clínica para a área dos Cuidados de Saúde Primários.
Já José Aníbal Soares mantém-se em funções como vogal-executivo e director-clínico para a área dos Cuidados Hospitalares, enquanto Joaquim Brissos foi reconduzido como vogal-executivo com funções de enfermeiro-director.
Foram igualmente reconduzidas, como vogais-executivas da administração da ULSBA, Iria Velez e Patrícia Ataíde.
O despacho dos ministérios da Saúde e das Finanças nomeia ainda Manuel Soares para o cargo de vogal-executivo, por proposta da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL).
A ULSBA lembra que “a nomeação de conselhos de administração do sector empresarial do Estado é um processo descrito na lei, que envolve a consulta à Comissa?o de Recrutamento e Selecc?a?o para a Administrac?a?o Pu?blica (CRESAP) e ocorre, habitualmente, no primeiro trimestre do ano seguinte, uma vez que o fim dos mandatos coincide com o ano civil”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima