ULSBA reforça resposta à Covid-19

ULSBA reforça

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA), que gere o Hospital José Joaquim Fernandes e os centros de saúde da região, garante estar preparada para dar resposta à pandemia do coronavírus Covid-19 que afecta actualmente Portugal.
Em comunicado enviado ao “CA”, a administração da ULSBA explica que já foram estabelecidos “circuitos seguros de atendimento, triagem e encaminhamento de doentes”, assim como elaborado o Plano de Contingência, “de carácter dinâmico, no qual estão definidos procedimentos, responsabilidades e medidas específicas a adoptar, ao nível da saúde pública, dos cuidados de saúde primários, hospitalares e continuados, para mitigar as consequências desta infecção”.
De acordo com a mesma fonte, para os doentes que venham a necessitar de internamento “existem, e estão já estabelecidas, no hospital de Beja, áreas exclusivas, com circuitos próprios e com equipas de saúde devidamente preparadas para receber os doentes”.
“Ou seja, temos a capacidade de internamento instalada”, garante o conselho de administração da ULSBA.
A par disto, continua a administração da ULSBA, “na Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente, apetrechada com o equipamento e logística necessários, foi aumentada a capacidade de internamento” e nos centros de saúde da região apostou-se “na proximidade” entre as equipas de saúde e os utentes, “privilegiando os canais alternativos de contacto (telefone e e-mail), sempre prontos para receber as dúvidas e prestar os esclarecimentos necessários à população”.
Apelando a que todos “mantenham o distanciamento social” e “cumpram as recomendações da Direcção Geral da Saúde”, a ULSBA lembra ainda “que o procedimento mais correcto, em caso de suspeita, será ligar para o SNS 24 (808 24 24 24) e aguardar o atendimento”.
“Não se deve dirigir ao centro de saúde, nem ao hospital [de Beja]. O SNS 24 é a ‘porta de entrada’ para o cidadão esclarecer dúvidas e obter informação sobre as recomendações e acções a adoptar”, fria o conselho de administração da ULSBA.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima