PSD e CDS elogiam melhoria verificada no distrito de Beja

PSD e CDS elogiam melhoria

O distrito de Beja está melhor que há quatro anos, quando entrou em funções o Governo de Passos Coelho, defendem os presidentes das distritais de Beja do PSD e do CDS-PP.
As duas estruturais distritais reuniram esta quinta-feira, 21, ao final da tarde, no sentido de prepararem as legislativas deste ano e no final o presidente do PSD de Beja, Mário Simões, lembrou que o actual Governo fez uma “aposta estratégica” na conclusão do Alqueva e terminou o investimento da Unidade de Psiquiatria do hospital de Beja.
A “paz social” verificada nas escolas da região e o “crescimento extraordinário” verificado no plano social foram outros dos aspectos relevados pelo também deputado do PSD, enaltecendo ainda a aposta feita no turismo e o recomeço das obras no IP2 e IP8.
Relativamente ao futuro, Simões assume que os próximos quatro anos serão “exigentes” para o Baixo Alentejo, defendendo a conclusão de Alqueva, a entrega dos perímetros de rega às associações de regantes, a captação de mais investimento estrangeiro, a electrificação da ferrovia até Beja e a fusão das comunidades intermunicipais do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral.
Por sua vez, o líder do CDS-PP em Beja, Luís Dargent, aproveitou a ocasião para sublinhar o bom “relacionamento” entre os dois partidos na região ao longo destes quatro anos.
Quanto às eleições, Simões e Dargent adiantaram apenas que as listas da coligação PSD/ CDS-PP no distrito de Beja serão apresentadas em Julho.
Ainda assim, as estruturas distritais aproveitaram a reunião desta quinta-feira para criar uma Comissão Política conjunta e nomear João Araújo (PSD) como director de campanha e António Carneiro (CDS-PP) como director-adjunto.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima