PS quer ganhar em todos os concelhos do distrito

PS quer ganhar em todos

Os cabeça-de-lista às 14 câmaras municipais do distrito estão escolhidos, os programas eleitorais estão a ser elaborados e a meta do Partido Socialista para as eleições agendadas para o próximo dia 1 de Outubro é bem clara: ganhar as Autárquicas em todos os concelhos do Baixo Alentejo.
“O PS, quando concorre, é para ganhar. Não concorre para fazer de conta. E o objectivo é termos uma vitória nas eleições Autárquicas no distrito de Beja”, sintetiza ao “CA” o presidente da Federação do Baixo Alentejo (FBA) do Partido Socialista.
Segundo Pedro do Carmo, o PS tem o seu “trabalho de casa feito” depois de “meses de reuniões, conversas e quilómetros percorridos para concretizar soluções de qualidade que mobilizem os militantes e os simpatizantes” do partido.
“Estou muito orgulhoso do trabalho que foi feito, da ampla participação e do amplo debate e discussão”, afirma o líder da Federação, reconhecendo que tudo decorreu de forma pacífica. “Mas quando dizemos pacífica não dizemos que não teve confronto de ideias, diversidade de ideias, por vezes discussões aguerridas… E isso é salutar em democracia”, acrescenta.
Pedro do Carmo destaca ainda o facto de no seio do PS não se terem verificado episódios de divergência como os que, no plano regional, vão acontecendo à sua direita (caso do PSD em Almodôvar) ou à sua esquerda (CDU em Vidigueira) no processo de escolha dos cabeça-de-lista.
“O PS mostrou que é um partido com ética, que debateu e que conseguiu encontrar as melhores soluções. Um partido que não se perde em caciquismos e em encontrar candidatos à força, candidatos que tomam posições contrárias àquelas que tomaram no passado, fruto de interesses e jogadas políticas. O PS mostra que está acima disso tudo e por isso conseguiu, atempadamente, ter uma escolha serena, credível e participada em todos os concelhos”, diz.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima