PS do Baixo Alentejo critica Comissão Nacional de Eleições

PS do Baixo Alentejo critica

O presidente da Federação do Baixo Alentejo (FBA) do PS critica a recente deliberação da Comissão Nacional de Eleições (CNE), que impede Governo e autarquias de fazerem publicidade institucional de actos, programas, obras ou serviços até à data das eleições Europeias, em Maio.
Para Pedro do Carmo, esta é uma decisão “sem pés nem cabeça”, acusando a CNE de ser uma instituição “sem senso, sem sentido do tempo e sem noção da realidade”.
“Querer que as autarquias locais, durante o período eleitoral para o Parlamento Europeu, suspendam a sua acção, prevista em planos de actividade e orçamento, sustentada em oportunidades de aproveitamento de financiamentos comunitários ou impulsionadas pelas dinâmicas das comunidades e dos territórios é, no mínimo, ridículo”, nota o responsável socialista.
Pedro do Carmo acrescenta que a FBA do PS “recusa esta visão tacanha da CNE, sustentada na interpretação de mais um resquício da governação PSD/ CDS”.
“O país precisa de gente que faça, que desenvolva, que concretize e que disponibilize soluções e respostas para as pessoas e para os territórios. O país dispensa mais uma entidade que se entretém a empatar quem quer fazer, estando em causa umas eleições europeias”, conclui.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima