PS acusa SIC de fazer reportagem “falaciosa, desinformada e trocista”

PS acusa SIC de fazer reportagem

“Falaciosa, desinformada e trocista” – é desta forma que o PS do Baixo Alentejo classifica a reportagem da SIC sobre os investimentos públicos realizados em Beja.
Transmitido no passado domingo, 6, durante o “Jornal da Noite” e assinado por Pedro Mourinho, o trabalho passa em revista algumas das obras feitas pelo Estado na cidade, nomeadamente o aeroporto de Beja, o Parque de Feiras e Exposições e o novo edifício da ESTIG, apontados como exemplos do despesismo público dos últimos anos.
Em comunicado, a Federação do Baixo Alentejo do PS considera que o teor da reportagem “é lamentável” e está “infectado por um espírito centralizador e arrogante que, constantemente, tem penalizado o desenvolvimento do interior do país”.
Considerando que a argumentação utilizada na peça é “falaciosa, desinformada e trocista”, o PS baixo-alentejano contesta a “permanente diabolização do projecto do aeroporto de Beja”, assim como a condenação “de modo sumário” da construção de um novo edifício para a ESTIG ou do Parque de Feiras e Exposições, que actualmente acolhe “a principal feira agrícola do país”.
“Afirmar perante o país a ideia de que em Beja ‘pensa-se em grande mesmo que não se pense muito bem’ é, obviamente, um modo lastimoso e grosseiro de diminuir o povo baixo-alentejano e remetê-lo para uma condição inferior que não é aceitável”, sintetiza o comunicado do PS, que afirma rejeitar “frontalmente” que a região “seja excluída do país e não mereça a aplicação de uma política séria e responsável de investimento público”.
Considerando que “para o Governo e para alguma comunicação social pouco esclarecida, o Baixo Alentejo deve continuar a ser uma região pobre, votada ao abandono e tratada com desconsideração”, os socialistas apontam ainda o dedo ao deputado social-democrata Mário Simões, um dos entrevistados na reportagem da SIC.
“Com ligeireza e irresponsabilidade”, Mário Simões “contribui para o bloqueio ao desenvolvimento da região e dos cidadãos que deveria representar”, conclui o comunicado da Federação do Baixo Alentejo do PS.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima