Presidente das Mulheres PS do Baixo Alentejo gostaria de ver uma candidata nas autárquicas

Presidente das Mulheres PS do Baixo Alentejo gostaria de ver uma candidata nas autárquicas

Existem vereadoras, eleitas em assembleias municipais e até presidentes de junta de freguesia, mas nunca no distrito de Beja houve uma mulher na presidência de uma câmara municipal!
Uma realidade transversal aos três partidos mais representativos na região que a nova responsável pelo Departamento Federativo das Mulheres Socialistas gostaria de ver alterado pelo PS já a partir de 2013 ou, pelo menos, em 2017.
“Já que foi o partido que teve a coragem de lançar a Lei da Paridade e de ser pioneiro com um conjunto de medidas e propostas que favorecem a igualdade de oportunidades, seria um orgulho muito grande que a primeira mulher presidente de câmara no distrito de Beja partisse do PS”, reconhece ao “CA” Renata Veríssimo, de 34 anos, considerando tudo é possível numa altura em que o PS ainda não escolheu grande parte dos seus candidatos autárquicos para as eleições do próximo ano.
“Neste momento ainda estamos em fase de escolha dos candidatos, por isso não posso dizer se haverá ou não uma candidata. O que não quer dizer que não venha a haver”, frisa a nova líder das Mulheres Socialistas.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima