PAPN com 32 candidaturas no Baixo Alentejo

Um total de 32 candidaturas, no valor global de cerca de 3,6 milhões de euros, deu entrada no Programa de Apoio à Produção Nacional (PAPN) no Baixo Alentejo, gerido pela Comunidade Intermunicipal (CIMBAL).

De acordo com a CIMBAL, as 32 candidaturas apresentadas representam “um apoio financeiro aproximado de 1,6 milhões de euros”, sendo referentes a projectos espalhados pelos 13 concelhos da região e que vá permitir a manutenção de 158 postos de trabalho.

Por sectores, 13 candidaturas são referentes ao setor da indústria (CAE 5 a 33), com cerca de 1,5 milhões de euros de investimento, enquanto 13 candidaturas são do do alojamento (CAE 55), com um montante de investimento similar.

Já no sector da restauração (CAE 56) foram submetidas seis candidaturas, com 640 mil euros de investimento propostos.

Recorde-se que o PAPN, lançado em Janeiro e cujo prazo de candidaturas terminou a 15 de Fevereiro, tem como objectivo “o apoio direto ao investimento para estimular” a produção nacional de base local, “com enfoque no sector industrial e no sector do turismo, sendo beneficiários as micro e pequenas empresas”.

O aviso de concurso tinha uma dotação global de 770 mil euros do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, verba garantida através do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial do Baixo Alentejo da CIMBAL.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima