Pandemia afectou “significativamente” actividade da Somincor

Mina de Neves-Corvo 1
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A pandemia da Covid-19 afectousignificativamente” a actividade da Somincor, que tem a concessão das minas de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, reconhece ao “CA” o administrador-delegado da empresa mineira.

Segundo Kenneth Norris, a suspensão do projecto de expansão do zinco (ZEP) foi um dos efeitos directos causados pela situação pandémica em Neves-Corvo, por forma a ser garantida a “protecção da saúde e segurança” de trabalhadores, respectivas famílias e comunidades locais.

“Adicionalmente, e no âmbito do nosso plano de contingência, iniciámos um controlo apertado de todas as entradas nas nossas instalações, nomeadamente através da realização de testes aos nossos trabalhadores e aos trabalhadores de empreiteiros, num investimento forte da nossa empresa na protecção da nossa actividade e no respeito por um dos nossos valores fundamentais: a segurança”, acrescenta Norris.

Opinião

Carlos Pinto

8 de Janeiro, 2021

Entrar em 2021 de “pé esquerdo”

Vítor Encarnação

8 de Janeiro, 2021

Casa do Alentejo

Carlos Pinto

18 de Dezembro, 2020

Pessimismo ou optimismo?

Napoleão Mira

18 de Dezembro, 2020

Um conto de Natal quase verdadeiro

Carlos Pinto

4 de Dezembro, 2020

Uma iniciativa exemplar

Vítor Encarnação

4 de Dezembro, 2020

Corações

Anterior
Seguinte

EM DESTAQUE

ULTIMA HORA

Role para cima