Pacto para a Água no concelho de Odemira “não está em risco”

Barragem de Santa Clara 1

Os últimos acontecimentos registados no seio da Associação de Beneficiários do Mira (ABM) “não colocam em causa” o Pacto para a Gestão Sustentável da Água no concelho de Odemira, assinado em março por diversas entidades, afirma o presidente da Câmara Municipal.

“Não está nada em causa, de maneira nenhuma. Ainda na reunião que tivemos com a ministra da Agricultura foi reafirmado esse acordo. E no Plano de Eficiência Hídrica do Alentejo estão lá as medidas previstas, seja do lado da agricultura seja do lado do consumo humano”, observa Hélder Guerreiro.

O Pacto para a Gestão Sustentável da Água foi assinado, a 16 de março, pela Agência Portuguesa do Ambiente, Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Câmara de Odemira, ABM e Águas Publicas do Alentejo.

Estas entidades comprometeram-se, “dentro das suas competências e responsabilidades”, a promover “medidas que conduzam a um maior rigor na gestão do bem comum água”.

Opinião

Carlos Pinto

5 de Julho, 2024

O salário dos políticos

Napoleão Mira

5 de Julho, 2024

Avô Montes

Carlos Pinto

21 de Junho, 2024

O Segredo de justiça existe?

Vitor Encarnação

21 de Junho, 2024

Solidão

Carlos Pinto

7 de Junho, 2024

O problema da imigração

Napoleão Mira

7 de Junho, 2024

Mestre Vargas, Um Barbeiro Invulgar

Anterior
Seguinte

EM DESTAQUE

ULTIMA HORA

Role para cima