OP de Odemira com novidades em 2020

OP de Odemira com

Arranca nesta quarta-feira, 1 de Abril, a edição de 2020 do “Orçamento Participativo” (OP) da Câmara de Odemira, que este ano será totalmente desmaterializado e dedicado em exclusivo ao tema “Ambiente e Alterações Climáticas”.
Esta “decisão que visa potenciar e prover a consciencialização para a sustentabilidade, preservação e conservação do meio-ambiente”, justifica a autarquia odemirense em comunicado, acrescentando que no OP 2020 serão elegíveis “projectos apresentados relativos ao tema, designadamente nas áreas da eficiência energética e hídrica, optimização e recolha de resíduos, energias alternativas e remoção de espécies invasoras, entre outras”.
Em 2020 o OP de Odemira terá uma dotação de 300 mil euros, sendo 150 mil euros para os projectos promovidos nas freguesias do interior do concelho com população inferior a 1.500 habitantes e os restantes 150 mil euros para projectos nas freguesias do litoral e/ou com população superior a 1.500 habitantes.
Podem ser apresentados projectos transversais ao território e cada proposta, material e imaterial, não deve ultrapassar o valor de 75 mil euros, incluindo custos de elaboração do projecto, bem como o IVA à taxa legal em vigor.
Tal como nas anteriores edições, podem participar no “OP” de Odemira todos os cidadãos a partir dos 14 anos de idade, residentes, trabalhadores ou estudantes no concelho.
A fase de apresentação de propostas vai decorrer entre esta quarta-feira, 1 de Abril, e o dia 30 de Junho. Seguir-se-á a fase de análise técnica e depois, durante o mês de Novembro, a fase de votação.
Este ano, em tendo em conta a situação de pandemia da Covid-19, a Câmara de Odemira incorporou alterações no processo, no sentido de o tornar “100% desmaterializado”, nomeadamente que as propostas tenham de ser apresentadas exclusivamente em formato digital (através da página online www.op.cm-odemira.pt). Será ainda realizado um “Encontro de Participação” digital, através de sistema de vídeo-conferência.
A par do OP, e seguindo a lógica “Odemira concelho 100% OP”, vão decorrer em simultâneo os processos de OP das Freguesias, para os quais a Câmara de Odemira atribui o valor de 10 mil euros para cada uma das 13 freguesias.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima