Odemira cria Observatório das Políticas Educativas do Concelho

Odemira cria Observatório das Políticas Educativas do Concelho

Contribuir para a definição de respostas para o desenvolvimento e a melhoria dos indicadores de educação e formação superior do concelho são as principais metas da Câmara de Odemira com a implementação do seu Observatório das Políticas Educativas do Concelho de Odemira.
O projecto visa a recolha e análise de dados que permitam um melhor acompanhamento do percurso escolar da população local, permitindo igualmente, segundo fonte municipal, “uma maior transparência na monitorização da aplicação das medidas e actividades previstas no âmbito do Projecto Educativo Municipal (PEM), uma melhor aferição de impactos e uma mais acessível e transparente leitura da utilização dos recursos públicos”.
O Observatório das Políticas Educativas do Concelho de Odemira resulta de uma parceria entre a autarquia, a TAIPA – Organização Cooperativa para o Desenvolvimento Integrado do Concelho de Odemira e a Universidade de Évora.
Recorde-se que o executivo da Câmara de Odemira, liderado pelo socialista José Alberto Guerreiro, definiu como “vector-chave nas políticas e linhas de intervenção” da autarquia o reforço da participação cívica como “caminho para outros níveis de responsabilidade dos seus munícipes e para a melhoria dos serviços públicos e da qualidade de vida”.
“Foi nesta linha, a partir de um trabalho participado e de equipa, que foi construído o Projecto Educativo Municipal enquanto âncora para o estudo, planeamento e concretização da política educativa do concelho de Odemira”, sendo mesmo considerado o “mais inovador do país” por António Rochete, da Universidade de Coimbra, acrescenta fonte da autarquia.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima