Odemira aprova plano de integração de imigrantes

Odemira aprova plano

Odemira já tem aprovado o seu novo Plano Municipal para a Integração dos Imigrantes (PMMI), que vai ser implementado no território do concelho até final do ano de 2017.
O “Odemira Integra” tem por objectivo “melhorar e aumentar as medidas de apoio, acolhimento e integração de imigrantes” através de uma participação “activa de toda a comunidade”, tendo sido primeiro aprovado pela Comissão Municipal do Imigrante e pelo Conselho Local de Acção Social, depois em reunião de Câmara e finalmente pela Assembleia Municipal, na sessão realizada no dia 29 de Junho.
“A concepção e execução do plano é uma intenção clara e assumida de fazer de Odemira uma comunidade mais justa, coesa e intercultural, no pressuposto da sustentabilidade do território e na plena assumpção de direitos e deveres por parte de todos”, assume ao “CA” fonte oficial da Câmara de Odemira.
Nesse sentido, continua a mesma fonte, o “Odemira Integra” terá como áreas de intervenção prioritárias os “Serviços de Acolhimento e Integração”, “Urbanismo e Habitação”, “Mercado de Trabalho e Empreendedorismo”, “Educação e Língua”, “Saúde”, “Solidariedade e Resposta Social”, “Cidadania e Participação Cívica e Racismo e Discriminação”.
Para cada área de intervenção são apontados objectivos e um total de 36 medidas concretas, nomeadamente a agilização do processo de regularização dos nacionais de países terceiros, a disponibilização de informação e formulários em tailandês, russo e inglês ou a criação de um guia de apoio para imigrantes, para as empresas e para o aluno imigrante.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima