Obras avançam no hospital de Beja

Obras avançam

Arranca nesta quinta-feira, 11, a empreitada de requalificação da Unidade de Preparação de Produtos Citotóxicos do Hospital de Dia do Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja. A empreitada está avaliada em 170 mil euros e tem comparticipação comunitária assegurada, cabendo à ULSBA avançar com apenas 25 mil euros.
Também o Serviço de Imagialogia vai ser alvo de investimento, com a substituição de diversos equipamentos. O concurso público está a decorrer e tem um valor-base de quase 1,1 milhões de euros.
“Estes novos equipamentos vão permitir substituir os existentes, permitindo aos profissionais dar uma melhor resposta às necessidades dos nossos utentes”, adianta ao “CA” fonte da administração da ULSBA.
Em fase de conclusão estão as obras de remodelação das instalações de AVAC nas unidades de Cuidados Intensivos Polivalente do hospital de Beja, no valor de quase 94 mil euros. E na Extensão de Saúde de Vila Nova de São Bento foram investidos 10 mil euros em trabalhos de melhoramento do espaço.
No domínio da Inclusão Social e Emprego para Investimentos na área dos equipamentos sociais e da saúde, o programa operacional Alentejo 2020 aprovou alguns projectos da ULSBA, no sentido de melhorar a qualidade dos serviços e permitir a adopção de soluções do foro energético, tecnológico e ambiental, assegurando igualmente a acessibilidade dos equipamentos a pessoas com mobilidade condicionada.
A ULSBA também já lançou os concursos públicos para as empreitadas de requalificação do Centro de Saúde de Mértola (315 mil euros) e da Extensão de Saúde da vila de Messejana (103 mil euros), no concelho de Aljustrel. E em breve avançará o concurso público para a construção do novo Centro de Saúde de Vidigueira, avaliado em 1,7 milhões de euros. Todas estas tem apoio comunitário.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima