Ministério da Defesa confirma possibilidade de Beja receber escola de pilotos da Coreia do Sul

Ministério da Defesa confirma possibilidade de Beja receber escola de pilotos da Coreia do Sul

O Ministério da Defesa confirmou esta quarta-feira, 15, à Agência Lusa que existem negociações com a Coreia do Sul para instalar em Beja uma escola para pilotos, adiantando que esta poderá vir a formar 200 alunos por ano.
Em resposta a perguntas colocadas pela Agência Lusa, fonte do Ministério da Defesa adiantou que já houve duas visitas de delegações sul-coreanas a Portugal (em Julho e Dezembro de 2011) e uma delegação portuguesa a deslocar-se à Coreia do Sul, tendo o próprio ministro, José Pedro Aguiar-Branco, participado em reuniões no âmbito deste processo.
"Até ao final deste mês de Março, este processo pode conhecer desenvolvimentos importantes", acrescentou a fonte.
Segundo o Ministério, caso a instalação da escola na base aérea venha a acontecer, podem vir a instalar-se na zona de Beja "mais de 200 ou 300 famílias", o que representaria um "grande fomento da economia local".
Esta escola funcionaria por um período de 30 anos e permitiria a formação de 200 pilotos anualmente – 120 sul-coreanos, cerca de uma dezena da Força Aérea Portuguesa e as restantes vagas abertas a outros países.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima