Mértola United desiste do campeonato da 1ª divisão distrital

Mértola United 22-23

O Mértola United FC anunciou, nesta terça-feira, 1, que não vai participar no campeonato distrital da 1ª divisão em 2023-2024, devido à limitação na inscrição de jogadores estrangeiros para a próxima temporada.

Em comunicado, a equipa da “vila museu”, que se sagrou campeã distrital da 2ª divisão em 2022-2023 e que iria fazer a sua estreia no “Distritalão” nesta temporada, explica que o motivo da sua “decisão drástica foi a recente mudança de regra implementada pela Associação de Futebol de Beja (AFBeja), que impôs uma limitação na inscrição de jogadores estrangeiros para a temporada vindoura”.

Esta medida “causou indignação e descontentamento na diretoria do clube”, refere o comunicado do Mértola United, sublinhando que “a política de permitir a contratação de jogadores estrangeiros tem sido uma prática comum em muitas ligas de futebol” em todo o mundo, para “elevar o nível técnico das competições e oferecer aos clubes a possibilidade de recrutar talentos de diferentes origens e culturas futebolísticas”.

Por isso, continua o emblema mertolense, “ao limitar o número de jogadores estrangeiros a AFBeja pode estar comprometendo a competitividade do campeonato local, […] nivelando por baixo e desencorajando clubes a buscarem talentos internacionais que poderiam agregar valor ao futebol na região”.

“Isso pode afetar negativamente o desenvolvimento do desporto no distrito”, acrescenta a direção do Mértola United, que questiona “a visão da AFBeja em relação ao futebol de alto nível”.

Para os responsáveis pelo clube, a AFBeja quer “andar na contramão do futebol moderno e globalizado, onde a diversidade de talentos e culturas é valorizada e vista como um dos pilares para o crescimento da modalidade”.

“As restrições impostas podem não apenas prejudicar a qualidade do jogo, mas também a imagem do próprio campeonato distrital, que corre o risco de perder atratividade perante alguns adeptos e investidores”, advoga.

O Mértola United afirma ainda que, “perante este cenário, é essencial que as autoridades do futebol local e os dirigentes da AFBeja estejam abertos ao diálogo com os clubes […] para discutir o impacto dessa mudança nas competições e no desenvolvimento do desporto na região”.

“É importante encontrar um equilíbrio entre a valorização do talento local e a abertura para a contribuição de jogadores estrangeiros, visando o fortalecimento do futebol no distrito de Beja”, defende o clube.

No comunicado, o Mértola United anuncia ainda que o seu projeto “não acabará”, mas sim “migrar pra uma outra zona onde […] a forma de pensar e organizar o futebol seja condizente com a ideia de se fazer um futebol competitivo, moderno, lucrativo e que não esteja preso ao pensamento arcaico e provincial”.

Recorde-se que o Mértola United foi fundado em abril de 2022, estreando-se nas competições da AFBeja na temporada desportiva de 2022-2023.

Opinião

Carlos Pinto

7 de Junho, 2024

O problema da imigração

Napoleão Mira

7 de Junho, 2024

Mestre Vargas, Um Barbeiro Invulgar

Carlos Pinto

24 de Maio, 2024

Tensão extrema!

Vitor Encarnação

24 de Maio, 2024

Sábado à noite

Carlos Pinto

10 de Maio, 2024

O futuro dos Bombeiros!

Napoleão Mira

10 de Maio, 2024

A Alquimia das Favas

Anterior
Seguinte

EM DESTAQUE

ULTIMA HORA

Role para cima