LIFE Estepárias com balanço “muito positivo”

LIFE Estepárias com

O projecto LIFE Estepárias, desenvolvido pela Liga para a Protecção da Natureza (LPN) no Alentejo, terminou no final do ano de 2012 com resultados “muito positivos”.
“Valeu a pena”, resume ao “CA” a bióloga Rita Alcazar, que entre 2009 e 2012 trabalhou no projecto virado para a recuperação de habitats favoráveis à conservação da abetarda, sisão e peneireiro-das-torres nas zonas de protecção especial (ZPE) de Castro Verde, Piçarras, Vale do Guadiana e Moura-Barrancos-Mourão.
Apoiado pela Comissão Europeia, o projecto permitiu à LPN adquirir uma nova propriedade de 168 hectares no concelho de Castro Verde, que irá ser gerida de modo a manter o habitat das aves estepárias.
Ao mesmo tempo, a iniciativa possibilitou a correcção de 40 quilómetros de linhas eléctricas na ZPE de Castro Verde, consideradas uma das grandes ameaças a estas espécies.
O projecto LIFE Estepárias permitiu igualmente a construção de duas novas torres de nidificação para o peneireiro-das-torres e a sinalização de 42 quilómetros de vedações, para evitar a colisão de aves com estas.
Foram ainda instaladas 184 passagens para a fauna ao longo de 28 quilómetros, além de 33 novos bebedouros e mais 28 pontos de alimentação.
Tudo isto permitiu, segundo Rita Alcazar, “tendências positivas de crescimento das populações destas aves” nas zonas abrangidas pelo projecto.
De momento, existem cerca de 1.400 indivíduos da espécie abetarda e 450 casais de peneireiros-das-torres, grande parte deles na ZPE de Castro Verde.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima