Inquérito sobre caso de doente que esteve seis dias nas Urgências de Beja

Inquérito sobre caso de doente que

O conselho de administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo abriu um inquérito sobre o caso do doente oncológico que esteve seis dias nas Urgências de Beja.
O caso foi denunciado pelos deputados do PCP João Ramos e Carla Cruz, que questionaram o ministro da Saúde sobre o facto de um doente idoso com o diagnóstico de doença oncológica ter dado entrada nas Urgências do hospital bejense a 3 de Fevereiro, sendo que seis dias depois, a 9 de Fevereiro, ainda permanecia nos corredores da urgência.
De acordo com a Agência Lusa, a administração da ULSBA decidiu instaurar um processo de inquérito para apurar as razões do sucedido, no sentido de saber “se foram cumpridos os procedimentos habituais de referenciação para o internamento”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima