Homem identificado em Odemira por incêndio

Homem identificado

A GNR de Odemira identificou na terça-feira, 10 de Setembro, um homem de 66 anos por suspeitas de causar um incêndio florestal no concelho, tendo os factos já sido remetidos para o Tribunal Judicial de Odemira.
Fonte da GNR adianta ao “CA” que “após o alerta de incêndio, os militares deslocaram-se ao local onde procederam a diligências de investigação, tendo detectado o ponto inicial de ignição”.
“Perante os indícios recolhidos, os militares concluíram que a origem do incêndio deveu-se a trabalhos de corte realizados com uma rebarbadora, o que possibilitou identificar o autor”, acrescenta a mesma fonte.
De acordo com a GNR, deste incêndio “resultou uma área consumida de 195 hectares, tendo ardido um povoamento de sobreiros e azinheiras, medronheiros, mato e pasto, verificando-se ainda a perda de 34 cabeças de gado bovino, ovino e suíno, em consequência das queimaduras sofridas e da inalação de fumos”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

OP de Odemira com 51 propostas em 2021

Um total de 51 propostas de investimento público foram apresentadas pela população do concelho de Odemira no âmbito do processo do “Orçamento Participativo” (OP) de

Role para cima