Grupo FDO cancela projecto de centro comercial em Beja

Grupo FDO cancela projecto de centro comercial em Beja

O grupo FDO vai desinvestir no sector do retalho, o que irá inviabilizar a construção do VIVACI Beja, que seria o primeiro grande centro comercial do Baixo Alentejo.
"No âmbito da revisão e da reorientação do seu plano estratégico, o Grupo FDO desinvestirá no sector do retalho, inviabilizando, consequentemente, o desenvolvimento do projecto VIVACI Beja", refere, em comunicado enviado à Agência Lusa, a administração da FDO Imobiliária, do Grupo FDO.
Em declarações à Lusa, o presidente da Câmara de Beja, Jorge Pulido Valente, manifestou "tristeza" e "algum desalento" por a FDO Imobiliária não avançar com o projecto do VIVACI Beja.
No entanto, disse, a FDO Imobiliária já comunicou à autarquia que quer "vender" o projecto do VIVACI Beja e, para tal, está "à procura de um interessado na aquisição".
O centro comercial previsto pelo grupo FDO teria uma área bruta de construção total de quase 50 mil metros quadrados e uma área bruta locável de cerca de 20.500 metros quadrados, quase 100 lojas, quatro salas de cinema, um supermercado, restaurantes e 800 lugares de estacionamento.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima