Governo cria comissão de acompanhamento da seca

Governo cria comissão

O Governo criou esta quarta-feira, 7 de Junho, a Comissão Interministerial de Acompanhamento da Seca, estrutura que integrará os ministros do Ambiente e Agricultura, que a coordenam, das Finanças, da Administração Interna, da Administração Local, do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, da Saúde, da Economia e do Mar.
De acordo com o Ministério da Agricultura, a nova comissão será uma “uma plataforma de articulação ao nível político que permita antecipar medidas no âmbito do combate aos efeitos da seca, fenómeno que afeta o país e a população a diversos níveis, mas que tem repercussões específicas no sector da agricultura”.
Nesse sentido, o ministro Capoulas Santos aposta numa monitorização mais específica, que permita antecipar situações de carência de água e mitigar os problemas com que os agricultores se debatem, a diversos níveis.
“Tratando-se de falta de água e não sendo possível decretar que chova, o Governo deve dispor de instrumentos que lhe permitam planear e tomar medidas ajustadas às circunstâncias, mas deve fazê-lo de forma integrada, porque a dimensão e o alcance do problema extravasam, em muito, o âmbito de uma ou duas áreas de governação e vão muito para além da agricultura enquanto atividade económica, embora as suas primeiras consequências sejam sentidas por este sector”, diz.
A Comissão Interministerial terá como tarefas principais a aprovação e o acompanhamento da implementação do Plano de Prevenção, Monitorização e Contingência para Situações de Seca e a definição de orientações de carácter político no âmbito do fenómeno climático adverso da seca.
Recorde-se que a criação desta comissão tinha sido anunciada por Capoulas Santos no final de Abril, durante a Ovibeja.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima