Esdime critica fim do financiamento à Casa do S@ber+

Esdime critica fim do financiamento à Casa do S@ber+

A Casa do S@ber+, em Ferreira do Alentejo, está em risco e 11 formadores poderão ser despedidos!
Criado há 12 anos pela Esdime, para reconhecer, validar e certificar competências a centenas de cidadãos, o projecto não pode prosseguir a sua actividade porque viu “chumbada” a sua candidatura para o período de Janeiro a Agosto de 2012.
“Profunda indignação” é o sentimento que se alojou na Esdime porque, segundo o seu presidente, David Marques, estamos perante “um desrespeito por uma organização, um historial e por um território”.
Situação que se agudiza porque, neste momento, “oficialmente não se sabe que centros continuam em funcionamento, impossibilitando que sejam feitas quaisquer transferências de processos”.
“A Esdime encara com grande preocupação o desenrolar dos acontecimentos relacionados com o futuro desta intervenção, não só no que diz respeito à indefinição deste período intercalar, mas também a insuficiência de informações e orientações relativamente a este assunto”, revelou ao “CA” David Marques, ainda mais inquieto por haver “total falta de informação” sobre aquilo que sucederá a partir de Agosto ao nível da educação e formação de adultos.

<b>MAIS INFORMAÇÃO NA EDIÇÃO DE 17 DE FEVEREIRO DO "CORREIO ALENTEJO", JÁ NAS BANCAS</b>

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima