EDIA coordena estudo nacional sobre regadio

A EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva foi escolhida pela ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, para coordenar um estudo, de âmbito nacional, sobre as necessidades de investimento e do potencial de desenvolvimento do regadio coletivo eficiente até 2030.

Fonte do ministério adianta ao “CA” que os trabalhos a desenvolver no estudo “terão em consideração a conjugação de vários fatores, nomeadamente a disponibilidade de água, a aptidão dos solos, a viabilidade técnica, económica e ambiental das soluções encontradas e a vontade e motivação dos agricultores envolvidos”.

Este estudo representa “mais um instrumento de reforço do Programa Nacional de Regadios, em linha com as especificidades dos territórios, e da essencial resposta aos efeitos das alterações climáticas, que pedem, cada vez mais, um uso eficiente dos recursos naturais”, justifica a ministra Maria do Céu Albuquerque.

Recorde-se que, através do Plano Nacional de Regadios, já foram aprovadas 59 candidaturas, beneficiando mais de 67.000 hectares, a que corresponde um investimento público de 392 milhões de euros.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima