Distrito de Beja em “Situação de Alerta” devido a risco de incêndios rurais

Beja é um dos 10 distritos do continente que se encontram em “Situação de Alerta” nesta terça-feira, 24, devido às previsões meteorológicas para os próximos dias, que apontam para um significativo agravamento do risco de incêndio rural.

A declaração de “Situação de Alerta” foi determinada pelos ministérios da Defesa Nacional, da Administração Interna, do Ambiente e da Ação Climática e da Agricultura e surge, segundo finte governamental, na sequência da determinação, pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), do Estado de Alerta Especial de Nível Laranja para os distritos de Aveiro, Beja, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Faro, Guarda, Santarém, Vila Real e Viseu.

Segundo a mesma fonte, “esta declaração decorre da necessidade de adotar medidas preventivas e especiais de reação face ao risco de incêndio previsto pelo IPMA em muitos dos concelhos do continente nos próximos dias”.

Nesse sentido, fica proibido o acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios, bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessem.

É igualmente proibida a realização de queimadas e queimas de sobrantes de exploração, assim como a realização de trabalhos nos espaços florestais com recurso a qualquer tipo de maquinaria, com exceção dos associados a situações de combate a incêndios rurais.

Está ainda proibida a realização de trabalhos nos demais espaços rurais com recurso a motorroçadoras de lâminas ou discos metálicos, corta-matos, destroçadores e máquinas com lâminas ou pá frontal, e a total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima