Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais apresentado às autarquias

O comandante operacional distrital de Beja da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) apresentou nesta segunda-feira, 9, o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) para 2022 aos autarcas do Baixo Alentejo.

Carlos Pica esteve presente na reunião ordinária do conselho intermunicipal da Comunidade Intremunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), onde deu a conhecer o DECIR deste ano, que a partir de domingo, 15, passa para “Nível II – Reforçado”.

Segundo a CIMBAL, durante a reunião “foi ainda registada a necessidade de posicionamento de um meio aéreo no concelho de Moura, de forma a dar cobertura à zona norte do Baixo Alentejo”.

“No presente ano, tal não irá suceder, mas ficou estabelecido que se iriam desenvolver esforços no sentido de garantir tal equipamento para o próximo ano”, acrescenta a mesma fonte.

Entretanto, Beja é um dos nove distritos colocados em alerta Amarelo devido às altas temperaturas e ao consequente agravamento do risco de incêndio rural.

Nesse sentido, a secretária de Estado da Proteção Civil, Patrícia Gaspar, autorizou a ativação de um reforço máximo de 100 equipas de combate a incêndios, entre as 00h00 desta terça-feira, 10, e as 23h59 de sábado, 14 de maio.

O Ministério da Administração Interna “recomenda a todos os cidadãos a adequação dos comportamentos face à situação de perigo de incêndio rural, nomeadamente com a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima