Direcção do Rosairense desvaloriza críticas do treinador

Direcção do Rosairense

A Direcção do Rosairense desvaloriza as críticas que lhe foram feitas pelo treinador da equipa de futebol, considerando que João Candeias estava apenas a fazer “um apelo”.
Na quarta-feira, 9, em declarações à Rádio Castrense (Castro Verde), o jovem técnico disse que o plantel do emblema do concelho de Almodôvar se sentia “abandonado” e garantiu existirem subsídios aos jogadores em atraso.
Na resposta, o vice-presidente do clube diz manter a confiança em João Candeias e considera que as palavras deste foram “no sentido de fazer um apelo à Direcção”.
“Ele é um treinador jovem, nunca tinha treinado uma equipa sénior e se calhar nunca tinha estado numa equipa da dimensão do Rosairense nem confrontado os problemas e as dificuldades que temos”, explica ao “CA” Gilberto Guerreiro.
O dirigente lembra a actual Direcção “é exactamente a mesma que ganhou taças e supertaças distritais” pelo clube do Rosário nas últimas temporadas e garante que a equipa tem sido devidamente acompanhada.
“Tentámos arranjar duas pessoas que estivessem a tempo inteiro com a equipa. Um é director e outro faz a manutenção do campo”, argumenta Gilberto Guerreiro, que não vê qualquer problema em que o director que acompanha em permanência a equipa tenha apenas 21 anos.
“Há oito anos, quando fomos para a 2ª divisão, eu tinha 20 anos”, contrapõe.
Sobre os subsídios em atraso aos jogadores, Gilberto Guerreiro afiança que só o mês de Março está por pagar, não deixando de lembrar que “o Rosairense já ganhou taças com três e quatro meses de subsídios em atraso”.
“Subsídios que só foram pagos em Agosto – e alguns mais tarde –, depois das festas de Verão que organizamos todos os anos e são uma referência no concelho”, acrescenta.
Sobre o futuro da equipa, Gilberto Guerreiro diz apenas que esta vai terminar o presente campeonato e depois… se verá!
“Não sei dizer! […] Mas uma coisa acredito piamente: a AJD Rosairense há-de existir! O futuro a Deus pertence e às pessoas que cá estão”, conclui.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima