Escrita passiva

Quinta-feira, 17 Setembro, 2020

Jorge Serafim

contador de histórias

Para quem não sabe, “VOLLANT” é o nome do álbum lançado há já alguns meses atrás pelo músico bejense Luís Carlos. Autor e compositor da maioria dos temas que o compõem, numa linha assumidamente <i>rock’n’roll</i>, conta com a colaboração de alguns músicos locais, nomeadamente Fernando Pardal. E ainda com a preciosa ajuda de Kalu e Zé Pedro, dois dos mais carismáticos músicos da história moderna da música portuguesa, ambos membros dos Xutos e Pontapés. Isto por si só seria motivo redobrado de atenção por parte da imprensa escrita regional. Como notícia, aos olhos do leitor teria algum interesse saber coisas, coisinhas e coisonas acerca deste CD… O que levou o músico depois de tantos anos rodando estrada em bandas como os EX ORIENTE LUX, a partir para um trabalho a solo? Quem colabora neste trabalho? Quem produziu? Como nasceu esta amizade com os músicos dos Xutos e Pontapés? O que pensam estes, deste bejense, enquanto músico? Incluso, porque aceitam tocar ao vivo com o projecto VOLLANT? Enquanto leitor da imprensa local gostaria de perceber porque é que o Luís Carlos, no passado dia 29 de Novembro de 2007, no Teatro Municipal Pax Julia apresentou o seu trabalho ao vivo com a presença dos referidos músicos e por parte dos jornais da terra apenas lhe foi dedicado umas míseras linhas enquanto notícia. A pluralidade como porta-estandarte não se deve restringir a convidar interlocutores dos diferentes quadrantes políticos, estejam eles relacionados com partidos ou com movimentos independentes de acordo com a sua natureza. A pluralidade faz-se também, compreendendo que uma cidade possui outros agentes. E que também estes são motor e identidade do meio onde actuam. E que também eles são notícia para investigar, difundir e criticar. Nem vale a pena argumentar o “factor desconhecimento”. As notícias quando não se acham, procuram-se. Por muitos que os jornais se assumam de plurais, felizmente, as cidades serão sempre mais.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Em Destaque

Últimas Notícias

Role para cima