Central solar pioneira vai nascer nos Grandaços

Central solar pioneira

A empresa Mornig Chapter, S.A., está a construir uma central solar fotovoltaica perto da aldeia de Grandaços, no concelho de Ourique, investimento avaliado em 35 milhões de euros que deverá entrar em produção em Agosto de 2018. A obra, em marcha desde Julho, foi formalmente lançada esta quinta-feira, 14, numa cerimónia que contou com as presenças do secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, do director-geral da Energia da Comissão Europeia, Dominique Ristori, e do presidente da Câmara de Ourique, Marcelo Guerreiro.
A nova central solar Ourika! vai ocupar uma área de 100 hectares e contará com 141.930 painéis fotovoltaicos, que quando entrarem em produção terão capacidade para gerar 80,4 GWh/ano, o suficiente para garantir o consumo de aproximadamente 25 mil famílias.
Na fase de construção a obra irá dar trabalho a 150 pessoas, sendo que quando entrar em funcionamento serão criados cinco novos postos de trabalho.
Segundo apurou o “CA”, trata-se de uma central solar pioneira desde a sua concepção, “que vem provar o novo paradigma para a energia solar na Europa”.
Por um lado, por ser a primeira central de grandes dimensões em construção na Europa que não vai ter tarifa garantida, sendo ligada directamente à REN.
Por outro lado, a Ourika! “tem dimensão para fazer a diferença na redução da necessidade de importação de combustíveis, aumentando a independência energética nacional e europeia”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima