Central solar inaugurada em Ourique

Central solar inaugurada em Ourique

São 35 milhões de euros de investimento para permitir a produção de energia suficiente para cerca de 25 mil famílias e evitar a emissão de 49944 toneladas de CO2 por ano. A nova Central Solar Ourika, a escassos quilómetros da aldeia de Grandaços, no concelho de Ourique, é inaugurada nesta quinta-feira, 26, pelas 15h00, numa cerimónia que contou com a presença do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, do secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, e do director-geral de Energia da Comissão Europeia, Dominique Ristori.
“É um momento importante para o concelho e para o país. Estamos satisfeitos e orgulhosos de poder inaugurar esta central fotovoltaica, porque Ourique irá assim contribuir também para o desenvolvimento do país e para o desenvolvimento europeu. É um grande momento para Ourique e um grande momento para o país”, observa ao “CA” o presidente da Câmara de Ourique.
Marcelo Guerreiro sublinha ainda o facto de este ser um exemplo das “novas oportunidades” que estão a surgir ao Mundo Rural. “Temos de conseguir agarrar esse desafio e, por isso, estamos a trabalhar num outro conjunto de projectos, alguns um pouco diferentes, outros maiores, cientes que o futuro se faz por aqui, através da produção de energia limpa. E em Ourique estamos orgulhosamente na linha da frente”, acrescenta.
A Central Solar Ourika é um projecto concretizado pela Morning Chapter em parceria com a China Triumph International Engineering Company (CTIEC), sendo pioneiro a nível europeu por ser a primeira central de grandes dimensões que não tem tarifa garantida suportada pelos contribuintes. Nesse sentido, a Ourika vai ser a primeira central solar a ser ligada directamente à Rede Nacional de Transporte da Rede Eléctrica Nacional.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima