Castro Verde já tem Escola de bombeiros

Castro Verde já tem

Calças e casaco, uma camisola, botas e um chapéu: é com esta a farda que 58 crianças de Castro Verde vão frequentar a nova escola de Infantes e Cadetes dos Bombeiros Voluntários de Castro Verde.
O projecto arrancou oficialmente na 21 de Outubro, numa iniciativa da delegação da Juvebombeiro de Castro Verde que tem por objectivo “sensibilizar, motivar e formar as gerações mais novas” para o voluntariado e para a missão dos “soldados da paz”.
“Este momento era há muito sonhado e esperado”, reconhece ao “CA” a coordenadora do Núcleo da Juvebombeiro de Castro Verde, admitindo que o número de crianças inscritas na escola superou largamente as expectativas. “Quando iniciámos o projecto pensámos que seria para uns 20 meninos e quando abrimos as inscrições rapidamente chegámos aos 58. Tivemos mesmo de encerrar as inscrições e já temos lista de espera. E é espectacular ver 58 crianças e seus pais bastante alegres com este dia”, revela Diana Marcelino.
“É de pequenino que conseguimos pôr neles a vontade de serem bombeiros, sendo que com isso também podemos chegar aos pais”, acrescenta o comandante da corporação, não escondendo que este projecto pode ser essencial para o futuro dos Bombeiros de Castro Verde.
“Temos que começar a apostar na juventude, para que mais tarde continuem com este trabalho que é ser bombeiro. Porque se as associações se divorciarem durante muito tempo da própria população juvenil, vamos perder muitos bombeiros. E de hoje para amanhã vamos ficar sem voluntariado, que é a coisa mais importante que o país tem”, afirma Vítor Antunes, numa ideia corroborada por Diana Marcelino. “Esperemos que o futuro da corporação passa por aqui. Sabemos que não ficaremos com os 58 [jovens], mas os que ficarem nos bombeiros já serão uma grande vitória”, diz.
A nova Escola de Infantes e Cadetes dos Bombeiros de Castro Verde irá funcionar dois sábados por mês, sempre das 14h00 às 17h00 nas instalações da corporação. As aulas decorrerão até ao Verão de 2018, permitindo aos jovens inscritos o contacto com a missão dos bombeiros, assim como aprender algumas técnicas de suporte de vida básica ou procedimentos de segurança em casos de acidente ou incêndio. O projecto tem o apoio da Câmara de Castro Verde.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima