Câmara de Almodôvar quer helicóptero do INEM em Beja

Câmara de Almodôvar quer

A Câmara de Almodôvar não concorda com a deslocalização do helicóptero do INEM para Loulé, no Algarve, defendendo a permanência deste equipamento na Base Aérea de Beja.
“Não podemos de forma alguma aceitar que o Alentejo, a maior área territorial do país, com localidades tão dispersas separadas entre si por dezenas e dezenas de quilómetros, com vias rodoviárias muitas delas degradadas e em péssimas condições de circulação e segurança e ainda com uma deficiência notável nas ligações de transportes públicos entre localidades, fique privado do socorro às populações por via aérea”, argumenta em comunicado o presidente da autarquia almodovarense.
António Bota lembra ainda que o Baixo Alentejo “é atravessado por vias de grande fluxo de tráfego, como é o caso da A2 e do IC1, que ligam Lisboa ao Algarve, e pelo IP2, que serve de eixo rodoviário entre o interior norte e centro até à zona sul”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima