Bolsa de Emergência de Odemira com inscrições abertas

Odemira com inscrições abertas

As inscrições para a Bolsa de Emergência Municipal (BEM) de Odemira continuam abertas, no sentido de reforçar as equipas das instituições públicas e particulares da área social e saúde do concelho afectadas por surtos de Covid-19.

O projecto decorre de uma candidatura da Câmara de Odemira ao programa MAREESS-Medida de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde, do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Segundo a autarquia, os cidadãos que venham a integrar a BEM vão receber remuneração, alimentação, transporte, seguro de acidentes e equipamento de protecção individual, ficando a exercer funções numa das 10 estruturas residenciais do concelho, reforçando as respectivas equipas das instituições.

Este projecto destina-se a desempregados beneficiários de subsídio de desemprego, subsídio de desemprego parcial ou subsídio social de desemprego, a desempregados beneficiários do rendimento social de inserção e outros desempregados inscritos no IEFP.

Podem também candidatar-se desempregados que não se encontrem inscritos no IEFP, trabalhadores com contrato de trabalho suspenso ou horário de trabalho reduzido ou com contratos de trabalho a tempo parcial, e estudantes, designadamente do ensino superior, e formandos, preferencialmente de áreas relacionadas com os projectos, desde que com idade não inferior a 18 anos.

A BEM é igualmente aberta a reformados e pensionistas, que podem ser integrados, enquanto desempregados, com ou sem inscrição no IEFP, desde que não tenham mais de 60 anos e não pertençam aos grupos de risco.

Os interessados devem enviar e-mail a manifestar a intenção em aderir à BEM para o mail accao.social@cm-odemira.pt ou pedir informações através do contacto 961 620 618.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima