Autarca de Aljustrel quer melhores estradas

Autarca de Aljustrel quer melhores estradas

O presidente da Câmara de Aljustrel aproveitou a recente passagem do primeiro-ministro pelo concelho para o colocar a par dos problemas que afectam a rede de estradas nacionais que atravessam o município. António Costa levou no regresso a São Bento um dossier com as reivindicações da autarquia mineira e Nelson Brito espera que estas sejam atendidas pelo Governo.
“Recebi a nota que o primeiro-ministro vai ter cuidado com a questão. São preocupações legítimas que assistem não só os habitantes do concelho de Aljustrel, mas todos os baixo-alentejanos”, sublinha ao “CA” o eleito socialista, que já em Fevereiro deste ano tinha entregue um documento semelhante ao ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques.
“É importante que [os governantes] sejam alertados. E é muito mais forte se entregarmos ‘ao vivo e a cores’, como foi feito”, acrescenta.
Na opinião de Nelson Brito, “não há desenvolvimento se não houver uma boa rede de mobilidade”. Daí defender que tanto o concelho de Aljustrel como todo o Baixo Alentejo necessitam urgentemente “de uma outra rede de mobilidade”.
E justifica a posição: “Para que ganhemos outra capacidade de desenvolvimento económico, aliada a tudo o que está feito de bom nesta região, sobretudo em matéria do Empreendimento de Fins Múltiplos do Alqueva”.
Além do dossier sobre as estradas, o presidente da Câmara de Aljustrel entregou mais três documentos a António Costa: dois sobre a actividade mineira no concelho e um terceiro sobre a estratégia de diversificação da base económica local.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima