Associação Columbófila do Distrito de Beja anuncia campeões regionais de 2011

Associação Columbófila do Distrito de Beja anuncia campeões regionais de 2011

Depois de dois (longos) meses, chegou finalmente o momento mais aguardado do ano pelos columbófilos baixo-alentejanos: a revelação, por parte da Associação Columbófila do Distrito de Beja, das classificações referentes à campanha de 2011, com vitórias repartidas entre Beja, Serpa, Aljustrel, Ervidel e Castro Verde.
Foi precisamente do Campo Branco que “voaram” os atletas dos novos campeões distritais de grande fundo, a Dupla de Entradas (associada à Sociedade Columbófila Asas Verdes, de Castro Verde), que bateu a concorrência dos Irmãos Serrano (da Sociedade Columbófila Asas de Beja) e de António Ninhos (da Sociedade Columbófila Mourense), segundo e terceiro classificados, respectivamente.
Grande fundo à parte, na Zona Centro-Leste o grande triunfador da campanha de 2011 acabou por ser o bejense Bruno Helena, do Asas de Beja, que venceu na classificação geral e na velocidade.
No meio-fundo a vitória sorriu a José Ameixa (Asas de Beja), enquanto José Henriques Santos (Sociedade Columbófila de Serpa), ganhou no fundo, João Barbeiro (Asas de Beja) nos borrachos e Rui Vilalva (Asas de Beja) em yearlings.
Ainda na Zona Centro-Leste, as anilhas de ouro foram atletas de columbófilos bejenses: Bruno Helena ganhou em velocidade e fundo, José Ameixa no meio-fundo e na classificação geral, e Rui Vilalva em borrachos.
A excepção foi Arnaldo Gonçalves, da Sociedade Columbófila Mourense, que recebeu a anilha de ouro em yearlings.
Mais a Sul, Os Inseparáveis, que competem pela Sociedade Columbófila Aljustrelense, dominaram no meio-fundo, em yearlings e na classificação geral, enquanto que na velocidade a vitória sorriu aos Irmãos Mestres (também da Sociedade Columbófila Aljustrelense) e no fundo à dupla Carlos & Alexandre Mourão (da Sociedade Columbófila Estrela Alentejana, de Ervidel).
Já em borrachos triunfou a Dupla de Entradas/ B (da Asas Verdes).
Na Zona Sul as anilhas de ouro couberam a pombos dos Irmãos Mestre, da Sociedade Columbófila Aljustrelense (velocidade e classificação geral); Os Inseparáveis, também da colectividade mineira (meio-fundo); João Coelho, da Asas Verdes (fundo); Carlos & Alexandre Mourão, da Sociedade Estrela Alentejana (borrachos); e Álvaro Manuel & S. Estevens, do Asas Verdes (yearlings).

<b>MAIS INFORMAÇÃO NA EDIÇÃO DE 7 DE OUTUBRO DO "CORREIO ALENTEJO", AMANHÃ NAS BANCAS</b>

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima