Aljustrel vai integrar rede europeia “Volunteering City”

A Câmara de Aljustrel vai integrar a rede europeia “Volunteering City” – URBACT, projeto de cariz internacional que envolve municípios de vários países, como Chipre, Alemanha, Polónia, Itália, Letónia, Grécia, Espanha, Croácia ou Irlanda.

Fonte municipal adianta ao “CA” que o objetivo desta rede “é fortalecer as práticas, os conhecimentos e experiências em torno da promoção da inclusão social e da coesão intergeracional nos respetivos territórios, nomeadamente através do voluntariado”.

“Esta rede permitirá fortalecer o sentimento identitário e as preocupações com as questões sociais entre os municípios, numa lógica de parceria, intensificando relações, melhorando respostas e capacitando os agentes de mais e melhores conhecimentos, permitindo a estruturação de soluções”, acrescenta a mesma fonte.

Segundo a autarquia, “ao fazer parte desta rede, o Município de Aljustrel terá ainda a possibilidade de compartilhar, transmitir e capitalizar a realização de ações e projetos conjuntos”, sendo esta “uma oportunidade para dotar este território de ações ainda mais capacitadas e que tenham em vista o progresso, o desenvolvimento sustentável, o bem-estar social e o empreendedorismo”.

A Câmara de Aljustrel frisa que a sua integração na “Volunteering City” permitirá “estabelecer contacto com parceiros de diversas nacionalidades, integrando uma rede europeia, atraindo uma dinâmica em torno da questão social e que se poderá revestir da maior importância para a coesão e união de gerações, culturas, práticas e saberes”.

“Esta é também uma estratégia de combate à pobreza e às desigualdades, através de medidas e apoios sociais, envolvendo cada vez mais pessoas e incentivando à responsabilidade social”, acrescenta a autarquia mineira.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima