Adega da Vidigueira aposta no vinho rosé

Adega da Vidigueira

A Adega Cooperativa da Vidigueira, Cuba e Alvito (ACV) acaba de lançar no mercado o seu primeiro vinho rosé, que tem uma produção de 10 mil garrafas e vai de encontro às solicitações do mercado.
“Há muito que nos pedia que fizéssemos um vinho rosé, o que faz todo o sentido pelas qualidades intrínsecas das uvas dos nossos cooperadores, mas também por ainda não termos esta oferta no nosso portefólio”, explica ao “CA” o presidente da ACV.
De acordo com José Miguel D’Almeida, “o mercado e a conotação do vinho rosé estão a mudar” e “há hoje um espaço e uma apetência por este tipo de vinho, quer no mercado nacional quer sobretudo no estrangeiro”.
O novo Vidigueira Rosé resulta das castas Aragonez e Touriga Nacional e, segundo o enólogo Luís Leão, “elenca as características privilegiadas” da região.
“Conseguimos aliar a frescura da Vidigueira, única no Baixo Alentejo, com toda a intensidade da fruta que resulta do grau de maturação que as elevadas temperaturas que aqui se fazem sentir conferem às nossas uvas”, acrescenta.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima