07h00 - segunda, 08/10/2018

36 funcionários com
situação regularizada na
Câmara de Odemira

36 funcionários com situação regularizada na Câmara de Odemira

Um grupo de 10 trabalhadores da Câmara de Odemira com vínculos precários assinou no início deste mês, a 1 de Outubro, contratos de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado, ao abrigo do Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários.
De acordo com fonte municipal, "durante o período em que as autarquias estavam condicionadas a fazer novas contratações, o Município de Odemira recorreu a diversas prestações de serviços para o cumprimento de algumas das suas funções essenciais bem como ao apoio de beneficiários aos programas Contrato de Emprego e Inserção, constituindo desta forma vínculos precários".
"Perante o novo quadro legislativo e consciente que se tornava fundamental estabilizar o mapa de pessoal e assegurar a estabilidade profissional destes trabalhadores, o Município de Odemira avançou com o procedimento para a regularização dos vínculos precários", acrescenta a mesma fonte, sublinhando que nesse sentido o Município de Odemira "procedeu à abertura de procedimentos para 13 postos de trabalho".
"No dia 1 de Outubro assinaram contrato 10 trabalhadores, sendo que dois formalizarão a sua entrada no mapa de pessoal mais tarde e um dos candidatos prescindiu do contrato", continua a autarquia, explicando que os trabalhadores em questão "exercem funções em vários serviços, sendo nove assistentes operacionais e três técnicos superiores".
Em paralelo, adianta ainda a Câmara de Odemira, um grupo de 23 trabalhadores foi abrangido pelo Regime de Mobilidade Inter-carreiras ou Inter-categorias dentro do mesmo órgão ou serviço. Assim, no Regime de Mobilidade Inter-carreiras "houve um total de 22 trabalhadores que transitaram da carreira de assistente operacional para assistente técnico", enquanto no âmbito da Mobilidade Inter-categorias "um assistente operacional assumiu a função de encarregado operacional na Divisão de Ambiente".


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 22/02/2019
"PSD tem que sair
da Praça da República"
O empresário Gonçalo Valente, 38 anos, é o novo presidente da Distrital de Beja do PSD e em entrevista ao "CA" revela as prioridades dos sociais-democratas da região para os próximos dois anos.
07h00 - sexta, 22/02/2019
Resialentejo recolhe
tampas de plástico
A empresa intermunicipal Resialentejo, que opera em oito concelhos do distrito de Beja, estabeleceu um protocolo com a "Coração Delta", do Grupo Nabeiro, para a dinamização do projecto "Dê Uma Tampa".
07h00 - sexta, 22/02/2019
Odemira eleita na Rede
das Cidades Educadoras
A Câmara de Odemira foi reeleita, pela terceira vez, para a comissão coordenadora da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadores, que é constituída por 74 municípios de Norte a Sul do país.
07h00 - quinta, 21/02/2019
EMAS Beja
melhora gestão de
águas residuais
Colocar a cidade de Beja "como uma referência" ao nível do tratamento de águas residuais urbanas é o grande objectivo da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja, que vai implementar em 2019 um plano operacional estratégico para alcançar "uma melhoria significativa" na gestão das redes de águas residuais do concelho.
07h00 - quinta, 21/02/2019
PS de Beja elogia
passagem do Museu
Regional para a DRCA
A Concelhia de Beja do PS elogia a transferência do Museu Regional para a tutela da Direcção Regional de Cultura do Alentejo (DRCA), considerando que esta "potenciará Beja e o seu património junto de um público muito mais alargado".

Data: 22/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial