07h00 - quinta, 04/10/2018

Vestígios arqueológicos
descobertos em Castro

Vestígios arqueológicos descobertos em Castro

Os trabalhos em curso de construção do Centro de Viola Campaniça, Artes e Ofícios de Castro Verde revelaram, junto à Basílica Real, "significativos vestígios arqueológicos" que já estão a ser investigados. De acordo com a Câmara de Castro Verde, proprietária da obra, foi convidado o arqueólogo e historiador Manuel Maia "para constituir e coordenar a equipa que, desde há cerca de duas semanas, está a trabalhar no local".
"Este processo decorre no âmbito de uma parceria estabelecida com a Cortiçol-Cooperativa de Informação e Cultural de Castro Verde, que disponibilizou os técnicos do Museu da Lucerna para trabalhar nesta investigação", acrescenta a autarquia.
Os trabalhos foram visitados nesta quarta-feira, 3, pelo presidente da Câmara de Castro Verde, António José Brito, acompanhado pelo arqueólogo Manuel Maia, pelo presidente da Cortiçol, João Alberto Fragoso, e por técnicos da Divisão de Obras e Urbanismo da autarquia.
Em comunicado, a Câmara de Castro Verde esclarece que as investigações estão a ser "devidamente supervisionadas pela Direcção Regional de Cultura do Alentejo", decorrendo "com a maior normalidade" e sem impedir "a evolução da obra do Centro de Viola Campaniça, embora devam ser consideradas as condicionantes inerentes a um processo com estas características".


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 22/02/2019
"PSD tem que sair
da Praça da República"
O empresário Gonçalo Valente, 38 anos, é o novo presidente da Distrital de Beja do PSD e em entrevista ao "CA" revela as prioridades dos sociais-democratas da região para os próximos dois anos.
07h00 - sexta, 22/02/2019
Resialentejo recolhe
tampas de plástico
A empresa intermunicipal Resialentejo, que opera em oito concelhos do distrito de Beja, estabeleceu um protocolo com a "Coração Delta", do Grupo Nabeiro, para a dinamização do projecto "Dê Uma Tampa".
07h00 - sexta, 22/02/2019
Odemira eleita na Rede
das Cidades Educadoras
A Câmara de Odemira foi reeleita, pela terceira vez, para a comissão coordenadora da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadores, que é constituída por 74 municípios de Norte a Sul do país.
07h00 - quinta, 21/02/2019
EMAS Beja
melhora gestão de
águas residuais
Colocar a cidade de Beja "como uma referência" ao nível do tratamento de águas residuais urbanas é o grande objectivo da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja, que vai implementar em 2019 um plano operacional estratégico para alcançar "uma melhoria significativa" na gestão das redes de águas residuais do concelho.
07h00 - quinta, 21/02/2019
PS de Beja elogia
passagem do Museu
Regional para a DRCA
A Concelhia de Beja do PS elogia a transferência do Museu Regional para a tutela da Direcção Regional de Cultura do Alentejo (DRCA), considerando que esta "potenciará Beja e o seu património junto de um público muito mais alargado".

Data: 22/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial