07h00 - segunda, 14/05/2018

PS defende "cortes" na
Câmara de Castro Verde

PS defende "cortes" na Câmara de Castro Verde

O presidente da Concelhia de Castro Verde do PS considera que o actual quadro financeiro da Câmara Municipal local exige a tomada de "medidas difíceis", no sentido de se conseguir diminuir a despesa fixa anual da autarquia.
Em declarações ao "CA", Filipe Mestre defende uma redução de "25 a 30%" na despesa em áreas como as transferências para investimento das juntas de freguesia e nos apoios ao movimento associativo, a par da organização de eventos.
"Tem de haver uma gestão mais apurada das despesas nessa área", afirma Filipe Mestre, para logo acrescentar: "Obviamente que não somos adeptos desses cortes, que não são agradáveis, mas temos de enfrentar isto de frente... Senão qualquer dia estamos numa situação bastante mais preocupante".
O actual quadro financeiro que a Câmara Municipal de Castro Verde está a causar bastante preocupação à concelhia local do PS, que tece duras críticas à gestão realizada pela CDU no anterior mandato autárquico.
Os eleitos do PS em Castro Verde reuniram na passada semana para analisar a situação política no concelho e em comunicado "registam com a maior preocupação" o quadro financeiro que a Câmara Municipal enfrenta, "fruto da administração pouco responsável da CDU durante o último mandato".
"Apesar de alertada várias vezes pelos eleitos do PS sobre os riscos de insistir numa gestão gastadora e de teimar em manter os 'hábitos de casa rica' na autarquia, a CDU e o seu líder, Francisco Duarte, optaram por prosseguir esse caminho totalmente errado", sublinha o PS, argumentando que "sem receitas extraordinárias da Derrama e com critérios de gestão muito discutíveis, a Câmara Municipal terminou 2017 com avultadas dívidas de curto e médio prazo" e "com notórias dificuldades de tesouraria".
No comunicado, o PS lamenta a "herança envenenada" que recebeu da CDU, nomeadamente o facto de faltar assegurar "mais de 900.000 euros para financiar a obra de requalificação da estrada Castro Verde/ Santa Bárbara/ Mina de Neves-Corvo e as expropriações dos terrenos das áreas circundantes não estão feitas".
Os "problemas gravíssimos" da rede de água de Castro Verde e o desgaste da frota de viaturas, de máquinas de trabalhos e de equipamentos da autarquia são outras das situações apontadas pelo PS, a par da inexistência, ao contrário do que sucede em concelhos vizinhos, de projectos para a requalificação urbanas da vila. "E, na única obra com projecto, o Centro de Viola Campaniça, o processo de 'visto' do Tribunal de Contas está emperrado há vários meses apesar de a obra estar adjudicada", acrescenta.
Tudo isto leva o PS a destacar "o trabalho muito exigente que, nestes primeiros meses de mandato, tem requerido o maior empenho do executivo municipal que, apesar de tudo, está a executar em larga medida o seu programa político".
"Com humildade, competência e o apoio dos castrenses, estamos certos que será possível corrigir os erros do passado e assegurar uma gestão capaz e com os resultados que todos desejamos", conclui o comunicado do PS.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 19/10/2018
Câmara de Beja vence
prémio de voluntariado
A Câmara Municipal de Beja venceu o prémio "Boas Práticas de Voluntariado", atribuído pela Delegação Regional do Alentejo do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).
07h00 - sexta, 19/10/2018
Mértola apresenta filme
"Guadiana Selvagem"
A Câmara de Mértola promove nesta sexta-feira, 19, no cine-teatro Marques Duque, a apresentação ao público do documentário "Guadiana Selvagem", realizado por Daniel Pinheiro no Parque Natura do Vale do Guadiana.
07h00 - quinta, 18/10/2018
Turma de Beja
sem sete professores
Os 26 alunos de uma turma do sétimo ano da Escola Básica de Santa Maria, em Beja, estão sem professor em sete das 15 disciplinas que constituem a sua matriz curricular desde o início do presente ano lectivo, devido à inexistência de docentes colocados.
07h00 - quinta, 18/10/2018
OP de Odemira com 20
projectos pré-aprovados
A Câmara de Odemira já concluiu a fase de análise técnica das propostas apresentadas para o "Orçamento Participativo 2018" (OP), tendo sido aprovados provisoriamente um total de 20 projectos.
07h01 - quarta, 17/10/2018
PSP chega a todo
o distrito de Beja
Proporcionar um atendimento regular nos concelhos que não dispõem de estruturas fixas da PSP é o grande objectivo do projecto que esta força de segurança e a Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) começaram a dinamizar no início deste mês de Outubro.

Data: 12/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial