10h09 - quinta, 11/07/2019

Dar a mão à palmatória


Carlos Pinto
Os CTT preparam-se para travar o encerramento de lojas e, em simultâneo, reassumir a gestão de grande parte dos balcões que foram concessionados a terceiros ao longo do passado ano de 2018. Uma pretensão anunciada pelo presidente da administração da empresa, João Bento, em plena Assembleia da República, que deve ser concretizada ao longo dos próximos meses, sendo (quase) certa a reabertura das lojas encerradas em localidades que são sedes de concelho, casos de Aljustrel, Almodôvar e Ourique (entre outros exemplos no distrito de Beja).
Ao tomar esta medida, a administração dos CTT dá a "mão à palmatória" e assume, desde logo, que errou. E errou porque ao concessionar a terceiros algumas das suas lojas colocou em causa um serviço público indispensável e inestimável que era prestado às populações afectadas. Ainda mais em territórios como o Baixo Alentejo, de baixa densidade e com fracos níveis de literacia digital, onde uma estação dos Correios é mais que um mero balcão para levantar encomendas ou pagar facturas.
"Não corrigir as próprias falhas é cometer a pior delas", escreveu há séculos Confúcio, numa tirada de sabedoria que deveria ser conhecida de todos os gestores, sobretudo aqueles que lidam com a causa pública. Sim, porque os CTT são (inexplicavelmente, mas isso é outra história...) uma empresa privada, ainda que continuem a prestar serviço público. É por isso que esta decisão da actual administração da empresa vem em boa hora… apesar de chegar atrasada, como alguma correspondência!



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 19/11/2019
CDU e PS trocam
críticas em Castro Verde
As concelhias da CDU e do PS de Castro Verde emitiram comunicados onde trocam diversas críticas, com os comunistas a considerarem que os dois anos de mandato autárquico do PS no concelho têm sido de "má gestão", ao passo que os socialistas acusam a CDU de preferir "esconder a verdade" e de "não fazer oposição séria".
07h00 - terça, 19/11/2019
Câmara de Beja exige
requalificação da EN 121
A Câmara de Beja exige que o novo Governo tome "medidas rápidas" quer permitam a recuperação do pavimento da Estrada Nacional (EN) 121/ IP 8, no troço que abrange o concelho de Beja.
07h00 - terça, 19/11/2019
Ourique investe
143 mil euros
na Educação
A Câmara de Ourique viu aprovada por fundos comunitários uma candidatura no valor de quase 144 mil euros para a aquisição de equipamentos para todas as escolas do pré-escolar e do primeiro ciclo do concelho (com excepção de Ourique, que obteve financiamento há menos de 10 anos) e para a Escola Básica (EB) 2,3.
07h00 - terça, 19/11/2019
Campanha solidária
da TAIPA em Odemira
Apoiar as famílias carenciadas do concelho de Odemira é o grande objectivo da 17ª edição da campanha de solidariedade "Aliados no Natal", cuja primeira fase decorre até final deste mês de Novembro.
07h00 - segunda, 18/11/2019
Parque Natural do Vale
do Guadiana celebra 24 anos
O Parque Natural do Vale do Guadiana (PNVG), que tem sede na vila de Mértola e abrange os concelhos de Mértola e Serpa, promove nesta segunda-feira, 18, o "Dia Aberto", por forma a assinalar o seu 24º aniversário.

Data: 08/11/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial