09h38 - quinta, 16/02/2017

As estradas. Novamente!


Carlos Pinto
As estradas que rasgam as planícies do Baixo Alentejo continuam a dar que falar. Pelos piores motivos. Na última edição do "CA" demos-lhe conta dos problemas que envolvem o nó mais a Norte do IP2 na zona de Entradas (Castro Verde), cuja nova configuração (concretizada já esta semana) é criticado por todos os agentes locais sem que a Infra-estruturas de Portugal pareça mostrar incómodo. Mas mais casos surgiram recentemente: na EN2 abriu-se uma cratera no piso entre Aljustrel e a aldeia do Carregueiro, situação que chegou mesmo a impedir a circulação automóvel entre a vila mineira e Castro Verde em bastantes momentos; e no IP8 o intenso tráfego automóvel coloca em causa a segurança rodoviária na vila de Beringel.
Os casos de Beringel, Aljustrel ou Entradas são apenas os mais recentes. E não é preciso recuar muito no tempo para lembrarmos as notícias que davam conta do mau estado das estradas nacionais 123 e 389, que ligam Ourique a Colos, passando por Garvão. Ou da EN 120, entre Odemira e São Luís. Ou da EN 266, de Luzianes-Gare para Sabóia. Ou da EN 258, sobretudo nos quilómetros finais antes de chegarmos a Barrancos. E há mais, muitas mais…
Tudo isto ilustra na perfeição o quadro de degradação a que chegaram grande parte das estradas nacionais que servem a região. E se são estradas de cariz nacional, é preciso que de uma vez por todas a empresa gestora da rede rodoviária nacional, a Infra-estruturas de Portugal, coloque no terreno um plano de renovação destas vias. Porque o Baixo Alentejo também faz parte do país. E porque sem estradas em condições continuaremos sempre na cauda do desenvolvimento.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 28/06/2017
ACOS apoia agricultores afectados
pelo incêndio de Pedrógão Grande
A ACOS–Agricultores do Sul iniciou esta terça-feira, 27, junto dos seus associados, uma campanha solidária com os agricultores da região Centro, cujas explorações foram devastadas pelos incêndios de Pedrógão Grande e Góis.
07h00 - quarta, 28/06/2017
Cadáver encontrado
junto ao cais de Mértola
O cadáver de um homem com cerca de 40 anos foi encontrado esta terça-feira, 27 de Junho, por populares na margem do rio Guadiana, junto ao cais da vila de Mértola.
07h00 - quarta, 28/06/2017
Paulo Conde candidato
da CDU em Ferreira
O funcionário público Paulo Conde, de 47 anos, vai ser o candidato da CDU à presidência da Câmara de Ferreira do Alentejo nas eleições Autárquicas agendadas para 1 de Outubro.
07h00 - terça, 27/06/2017
Três títulos de ciclismo
para a equipa da Casa
do Benfica de Almodôvar
A equipa de ciclismo Master da Casa do Benfica em Almodôvar garantiu no passado fim-de-semana, 24 e 25 de Junho, três títulos de campeão nacional e viu ainda dois atletas sagrarem-se vice-campeões nacionais.
07h00 - terça, 27/06/2017
Recuperação ambiental
na Mina de S. Domingos
Já estão a decorrer os trabalhos da primeira fase do projecto de recuperação ambiental da Mina de São Domingos, no concelho de Mértola, investimento avaliado em de 3,8 milhões de euros que deverá estar concluído em Agosto do próximo ano.

Data: 23/06/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial