11h44 - quinta, 27/02/2014

Riqueza ilusória


José Carlos Albino
Passos Coelho, primeiro do Governo revolucionário da direita portuguesa e chefe do seu partido grande, surpreendeu-nos (?) com mais uma tirada e, sem pestanejar, disse: "Sabemos é que não regressaremos àquilo que eram os níveis de riqueza ilusória que tivemos antes da crise de 2011".
Duas conclusões quer o visionário que nós tiremos: "As riquezas que ganhámos, porque fruto duma ilusão de que fomos coniventes, temos que as pagar ao Estado e à banca que nos salvará, durante os anos necessários para saldar, com juros, as indevidas apropriações ou roubos que fizemos a empresários, banca e erário público. Devemos, pois, dolosamente, sermos obedientes e confiantes nos que nos patrioticamente nos governam, para que, a seu tempo, possamos ambicionar vir a atingir os valores dos passados tempos em que nos iludíamos".
A continuação do empobrecimento dos que trabalham ou trabalharam é inevitável e, por isso, obrigatória missão para quem nos comanda no Governo e na gestão dos capitais, de que dependemos e precisamos. Aprender a viver com pouquinho, o nosso contributo para salvar a nação.
Infelizmente não estamos a inventar e, mais grave, as pessoas assustadas e desconfiadas que proliferam no país vão assimilando estas mensagens, aceitando que são culpados dos devaneios da democracia, pelo que devem tudo fazer para evitar crises governamentais, que nos afastaria da única via segura.
Perante esta doutrina e propaganda em curso, apenas deixo no ar a pergunta: a alternativa não terá que ser revolucionária?



COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - segunda, 20/05/2019
Odemira exige
medidas para novas
instalações agrícolas
A Assembleia Municipal de Odemira exige ao Governo que sejam tomadas medidas preventivas imediatas "quanto a novos investimentos em instalações agrícolas no território" até que seja produzida decisão definitiva sobre as propostas apresentadas pelo Grupo de Trabalho do Mira para o sector.
07h00 - segunda, 20/05/2019
Obras "dentro de pouco tempo"
na estrada de Santa Bárbara
O presidente da Câmara de Castro Verde confia que as obras de requalificação da Estrada Municipal 508, entre Castro Verde e Santa Bárbara de padrões, e do Caminho Municipal 1139, de Santa Bárbara de padrões para a mina de Neves-Corvo, poderão avançar "dentro de pouco tempo".
07h00 - segunda, 20/05/2019
Mineiro Aljustrelense
recebeu faixas de campeão
e fez festa com goleada
Foi um domingo de festa em Aljustrel, com o Mineiro a receber as faixas e a taça de campeão distrital e a brindar o Piense com uma goleada à "moda antiga" na 21ª jornada do campeonato distrital da 1ª divisão.
07h00 - sexta, 17/05/2019
Descentralização de competências:
"Estamos a dar um passo enorme"
Em entrevista ao "CA" o secretário de Estado das Autarquias Locais avalia a forma como os municípios estão a responder ao processo de descentralização de competências do Estado nas câmaras municipais, juntas de freguesia e comunidades intermunicipais.
07h00 - sexta, 17/05/2019
Fontes Bárbaras
tem nova adega
Mais espaço e maior capacidade para trabalhar na qualidade: são estas as principais mais-valias da nova adega da Herdade das Fontes Bárbaras, na freguesia de Entradas (Castro Verde).

Data: 17/05/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial