07h00 - quinta, 26/03/2020

Covid-19: Odemira apoia
idosos e desfavorecidos

Covid-19: Odemira apoia idosos e desfavorecidos

Apoiar os cidadãos mais desfavorecidos e isolados do concelho na prevenção ao surto de Covid-19 que se verifica em Portugal é o grande objectivo das medidas de apoio que a Câmara de Odemira acaba de colocar "no terreno".
"Num concelho com enorme dispersão territorial e com uma grande faixa da população com mais de 65 anos de idade, onde o isolamento social é uma realidade, é fundamental a articulação de respostas sociais na prevenção ao Covid-19, numa estreita colaboração entre as diversa entidades que compõem a Rede Social de Odemira", nomeadamente as juntas de freguesia e as instituições ligadas à economia social, sublinha a autarquia em comunicado.
Desta forma, a linha de apoio do Sector de Acção Social do Município de Odemira na prevenção da Covid-19 está disponível, através do contacto 961 620 618, "para apoio, informação e articulação com as restantes entidades da Rede Social, sendo dirigida aos munícipes carenciados".
Já o apoio social à população idosa e isolada no concelho de Odemira está a ser implementado pelas juntas de freguesia, através do transporte de alimentos e medicamentos. "Quem vive sozinho e sem qualquer tipo de apoio familiar ou de vizinhança pode contactar a respectiva junta de freguesia e informar-se da possibilidade de usufruir desse serviço", explica o Município odemirense.
A par disto, o apoio psicológico de prevenção e combate ao isolamento dos idosos está a ser prestado através da equipa de psicólogos da TAIPA – Organização Cooperativa para o Desenvolvimento Integrado do Concelho de Odemira, disponível pelos contactos 969 230 907 e 967 918 064. Trata-se de um serviço dirigido a cidadãos do concelho com mais de 65 anos, "para combate à solidão", adianta a autarquia.
Outra iniciativa no terreno intitula-se "Vizinhança Solidária", um projecto do CLDS 4G – Contrato Local de Desenvolvimento Social - Geração Activa, promovido pela TAIPA em parceira com o Banco Local de Voluntariado. O objectivo é promover o voluntariado junto da população idosa, "valorizando o papel dos vizinhos neste momento de maior fragilidade, onde a solidão e o isolamento desta população são uma preocupação". Neste sentido, os voluntários que pretendam dar o seu tempo por esta causa devem contactar os números 969 230 907 e 968 803 219.
Finalmente, e porque o combate à violência doméstica "é também uma resposta essencial", mantém-se o serviço prestado no concelho através do Gabinete de Apoio à Vítima de Odemira (GAVA), com o contacto 924 467 767.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 05/06/2020
Demissão na
Câmara de Mértola
O chefe do Gabinete de Apoio aos Eleitos na Câmara de Mértola, Luís Madeira, deixou de exercer funções, depois de decisão judicial ter decretado a incompatibilidade deste cargo com o de presidente da Junta de Freguesia local.
07h00 - sexta, 05/06/2020
CDU de Beja preocupada
com caminhos rurais
Os vereadores da CDU eleitos na Câmara de Beja manifestaram publicamente a sua preocupação com "a instalação de culturas intensivas desordenadas" e a utilização de caminhos rurais "de modo desregrado" no concelho.
07h00 - sexta, 05/06/2020
Combate ao analfabetismo
é prioridade para a APEFA
Combater a elevada taxa de analfabetismo que ainda se regista no Alentejo é uma das grandes prioridades traçadas pelo novo delegado regional do Baixo Alentejo e Algarve da Associação Portuguesa de Educação e Formação de Adultos (APEFA).
07h00 - sexta, 05/06/2020
Odemira vai premiar reabilitação urbana
A Câmara de Odemira tem a decorrer a primeira edição do Prémio de Reabilitação Urbana do Município de Odemira (PRUMO), criado no âmbito do Odemira Reabilita-Programa de Incentivos à Reabilitação do Património Edificado e que visa "distinguir obras nas áreas de reabilitação urbanas, que representem um exemplo de qualidade arquitectónica e contribuam para a valorização do património edificado do concelho".
07h00 - quinta, 04/06/2020
CEBAL vai contratar
quatro novos doutorados
O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL), com sede em Beja, viu aprovada a candidatura ao programa Alentejo 2020 para a contratação de quatro doutorados na área da Transferência de Tecnologia.

Data: 29/05/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial