12h00 - sexta, 10/01/2020

José Diogo Santos: "Miguel Pinto Luz é a solução do futuro"

José Diogo Santos: "Miguel Pinto Luz é a solução do futuro"

O mandatário no distrito de Beja de Miguel Pinto Luz, José Diogo Santos, vê no actual vice-presidente da Câmara de Cascais o homem certo para devolver a ambição ao PSD.

Por que razão é Miguel Pinto Luz o melhor candidato a presidir o PSD?
O Miguel pertence a uma geração que recebeu o melhor do Portugal democrático: em cuidados de saúde, em tecnologia, em exposição ao mundo globalizado, em cultura e em acesso à educação. É o candidato melhor preparado, é a solução do futuro. Não tem medo, quer ganhar. Não tem pressa, tem uma missão de longo curso. Não faz a gestão do dia-a-dia, tem um plano para o país. O partido precisa de novos protagonistas, de pessoas com a mente aberta, de líderes que saibam apontar novos caminhos e de alguém que tenha a capacidade de unir o partido. O Miguel é esse líder.
É tempo de unidade no partido. É tempo de unir os militantes, pensando, sobretudo, no interesse nacional e, em particular, no interesse do Baixo Alentejo. O Miguel é o candidato que saberá unir esta grande família chamada PSD. Com ele, o PSD será, novamente, um lugar onde cabem todos os militantes.
É tempo de renovação. É tempo de mudança, de uma mudança tranquila, para as futuras gerações. Com o Miguel, o PSD será capaz de voltar a ser um partido com ambição, responsável, inovador e transformador da sociedade, sem desligar a tomada ao mundo real. Com o Miguel o PSD será novamente a escolha dos portugueses e nunca a segunda escolha, porque o combate maior é com o actual estado do país. Estou certo que o Miguel será um líder à altura do melhor que o PSD teve na sua história.

Espera que estas eleições sejam apenas decididas numa segunda volta?
Espero que o Miguel seja vencedor. Seja na primeira ou na segunda volta.

Qual o maior desafio que o partido tem pela frente?
Talvez sejam dois desafios. O primeiro será unir de novo a grande família chamada PSD. O segundo é que o PSD seja capaz de voltar a ser um partido com ambição, responsável, inovador e transformador da sociedade. Para isso tem que conquistar eleitorado à sua esquerda, explicando bem as diferenças entre o PSD e o PS, que são muitas, e reconquistar o centro-direita.

Qual deve ser a prioridade do novo presidente do PSD relativamente ao Baixo Alentejo?
Portugal enfrenta um "Inverno demográfico" perigoso. O interior do país está esvaziado. O Baixo Alentejo está esvaziado. O desinvestimento é assustador. Têm que ser tomadas medidas urgentes para inverter este quadro. A grande prioridade será reinvestir no Baixo Alentejo nas várias áreas, desde a agricultura ao turismo, passando pela educação, saúde, cultura, transportes e no apoio às empresas, assumindo que o resto do país existe e nele vivem pessoas. No Baixo Alentejo vivem portugueses de "carne e osso", que precisam de serviços médicos dignos, de serviços públicos de qualidade, de transportes públicos e de estradas seguras. É uma questão de justiça. O investimento na região possibilita estancar o isolamento, a desertificação. Não há filhos, não há netos, que queiram ficar numa terra, onde não há emprego e perspectivas de vida de sucesso. As prioridades identificadas (que não são novidade) são: investir em melhores cuidados de saúde (ampliação do hospital de Beja e modernização dos equipamentos médicos, investir em recursos humanos e materiais no hospital de Beja e centros de saúde); conclusão das obras do IP8/A26; electrificação do troço ferroviário Casa Branca-Beja-Funcheira; e o aproveitamento do aeroporto de Beja.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - segunda, 27/01/2020
Presidente da CM Ourique
exige melhor serviço dos CTT
O presidente da Câmara de Ourique aproveitou o encontro, no final da passada semana, do presidente da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM), João Cadete Matos, com os autarcas da região para defender defender "a urgência da distribuição do correio e do serviço postal respeitar mínimos de qualidade e regularidade em função das necessidades das populações".
19h45 - domingo, 26/01/2020
Secundária de Castro:
o "CA" errou
Na edição de 24 de Janeiro do "CA" foram publicadas, erradamente, fotos referidas como sendo o projecto das obras de requalificação da Escola Secundária de Castro Verde.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Beja vai receber
ministros de
17 países da UE
A cidade de Beja vai receber, no próximo dia 1 de Fevereiro (sábado), a reunião anual do Grupo dos Amigos da Coesão da União Europeia (EU), que juntará os primeiros-ministros e ministros de Portugal, República Checa, Grécia, Lituânia, Polónia, Eslováquia, Eslovénia, Chipre, Croácia, Estónia, Hungria, Letónia, Bulgária, Malta, Roménia, Espanha e Itália.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Três detidos por
tráfico em Beja
A GNR deteve nesta quarta-feira, 22, em, Beja, três homens, com idades entre os 24 e os 34 anos, por suspeitas da prática do crime de tráfico de estupefacientes no concelho.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Autarcas reúnem com
presidente da ANACOM
Os autarcas do distrito de Beja reúnem nesta sexta-feira, 24, na sede da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), com o presidente da ANACOM-Autoridade Nacional de Comunicações.

Data: 24/01/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial