07h00 - quinta, 17/10/2019

EMAS Beja sensibiliza
para participação pública

EMAS Beja sensibiliza para participação pública

Estimular a participação e integrar a comunidade na vida pública, através da apresentação de projectos, de ideias inovadoras e de soluções a implementar no concelho de Beja: são estas, em linhas gerais, as grandes metas da iPP-Iniciativa de Participação Pública, a nova aposta da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja na área da Educação e da Sensibilização Ambiental.
O projecto da iPP, apresentado à população durante a feira "Patrimónios do Sul", decorre da preocupação da EMAS em assumir "um papel preponderante na construção de uma sociedade mais consciente e ambientalmente responsável, através da aposta na educação e sensibilização ambiental", como explica o administrador-executivo da empresa.
De acordo com Rui Marreiros, a iPP visa, por isso mesmo, "fomentar o envolvimento de toda a comunidade nos processos de transformação e decisão face à actual conjuntura, que apresenta enormes desafios, como são as Alterações Climáticas, a Economia Circular ou o Uso Eficiente da Água, para os quais devemos em conjunto adoptar as melhores práticas e soluções inovadoras, que garantam a sustentabilidade dos recursos naturais".
Neste contexto, continua o administrador da EMAS, "a iPP pretende estimular a participação e integrar a comunidade na vida pública, apresentando projectos, ideias inovadoras e soluções a implementar no concelho de Beja, que tenham impacto significativo na comunidade onde se inserem e no meio ambiente".
Na prática, através da iPP, a EMAS de Beja irá "reforçar o quadro de participação e envolvimento da comunidade, ampliando claramente a abrangência de públicos", através de uma "nova frente" de trabalho na área de Educação Ambiental junto dos clubes e das associações desportivas, com actividades para os mais novos.
Paralelamente, continua Rui Marreiros, a empresa irá "também apresentar propostas de intervenções a implementar na cidade e nas freguesias rurais do concelho de Beja, sendo que a última palavra pelo método de votação será da comunidade". "Teremos três categorias: a iPP - Escolas, em que as propostas são desenvolvidas pela comunidade escolar, a iPP - Desporto, em que as propostas são desenvolvidas por clubes e associações desportivas, e a iPP - Comunidade, com propostas definidas pela EMAS para a comunidade em geral, a implementar na cidade em nas freguesias rurais", acrescenta.
Nesta última, a EMAS irá implementar dois projectos. Para a cidade a empresa vai colocar à votação cinco projectos ("Água para todos", "Spot da Água", "Casa Ecológica", "Água em marcha" e "Espaço Lazer"), implementando o mais votado. E na freguesia rural que for mais votada, a EMAS instalará um espaço de lazer.
O administrador da EMAS observa que o investimento da EMAS de Beja na iPP, "quando comparado com as problemáticas ambientais que afectam o nosso território, poderá ser definido como residual", adiantando que esta nova abordagem irá decorrer ao longo do ano lectivo de 2019-2020.
Com tudo isto, Rui Marreiros espera que a iPP, que é "fruto" da iniciativa-piloto "Mini-Orçamento Participativo", possa "proporcionar a toda a comunidade a oportunidade de se envolver nos processos de decisão".
"Expectamos que esta iniciativa irá também ser um sucesso e tornar-se uma referência de boas práticas no que concerne a estratégias integradas em políticas públicas para o ambiente, reforçando assim o posicionamento e compromisso da EMAS com as questões inerentes ao desenvolvimento sustentável da região", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 19/11/2019
CDU e PS trocam
críticas em Castro Verde
As concelhias da CDU e do PS de Castro Verde emitiram comunicados onde trocam diversas críticas, com os comunistas a considerarem que os dois anos de mandato autárquico do PS no concelho têm sido de "má gestão", ao passo que os socialistas acusam a CDU de preferir "esconder a verdade" e de "não fazer oposição séria".
07h00 - terça, 19/11/2019
Câmara de Beja exige
requalificação da EN 121
A Câmara de Beja exige que o novo Governo tome "medidas rápidas" quer permitam a recuperação do pavimento da Estrada Nacional (EN) 121/ IP 8, no troço que abrange o concelho de Beja.
07h00 - terça, 19/11/2019
Ourique investe
143 mil euros
na Educação
A Câmara de Ourique viu aprovada por fundos comunitários uma candidatura no valor de quase 144 mil euros para a aquisição de equipamentos para todas as escolas do pré-escolar e do primeiro ciclo do concelho (com excepção de Ourique, que obteve financiamento há menos de 10 anos) e para a Escola Básica (EB) 2,3.
07h00 - terça, 19/11/2019
Campanha solidária
da TAIPA em Odemira
Apoiar as famílias carenciadas do concelho de Odemira é o grande objectivo da 17ª edição da campanha de solidariedade "Aliados no Natal", cuja primeira fase decorre até final deste mês de Novembro.
07h00 - segunda, 18/11/2019
Parque Natural do Vale
do Guadiana celebra 24 anos
O Parque Natural do Vale do Guadiana (PNVG), que tem sede na vila de Mértola e abrange os concelhos de Mértola e Serpa, promove nesta segunda-feira, 18, o "Dia Aberto", por forma a assinalar o seu 24º aniversário.

Data: 08/11/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial