07h00 - quarta, 03/04/2019

Andebol cresce no
concelho de Odemira

Andebol cresce no concelho de Odemira

Foi no final de 2013 que a então recém-criada Associação Cautchú, com sede em São Teotónio, lançou "mãos à obras", por forma a dinamizar a prática do andebol no concelho de Odemira. Um trabalho que se revelou complexo, com alguns escolhos e a exigir muita paciência, mas que cinco anos depois já apresenta resultados bastante satisfatórios e que fazem sorrir os responsáveis pelo clube.
"O balanço que fazemos é extremamente positivo, a superar as expectativas iniciais. A nossa grande bandeira é o desenvolvimento e afirmação da modalidade de andebol no concelho de Odemira, o que julgamos estar a conseguir com sucesso de forma estruturada e sustentada, passo a passo e degrau a degrau", sintetiza com satisfação o presidente da associação, Pedro Almeida.
Em conversa com o "CA", o dirigente (e também treinador) revela que a Cautchú já conta cerca de 120 crianças e jovens federados, "sendo que mais de 50% são do sexo feminino o que é fantástico". No concelho de Odemira mais atletas só mesmo nas modalidades de futebol e canoagem. Ao todo a Cautchú tem sete equipas nos vários escalões em masculinos e femininos (caso único em todo o Alentejo), a que se juntam três escolas de andebol em Odemira, São Teotónio e Vila Nova de Milfontes.
"E temos também a equipa de andebol adaptado, em parceria com a Associação de Paralisia Cerebral de Odemira, com quem celebrámos um acordo de colaboração e que conta com oito praticantes de ambos os sexos", acrescenta Pedro Almeida.
Para o presidente, a "principal conquista" da Cautchú "é a credibilidade e a forma como a sociedade odemirense vê hoje" a associação. "Temos tido o cuidado de ter connosco técnicos qualificados e pedagogicamente preparados, de forma a estarem munidos de todas as ferramentas para o bom desenvolvimento das crianças e jovens que praticam a modalidade de andebol, primeiro numa lógica de formação pessoal e humana e só depois a formação de competências desportivas, ainda que na nossa óptica estas não sejam indissociáveis", destaca.
É nesta lógica que o presidente da Cautchú elege como momentos marcantes nestes cinco anos a participação, em 2015, no Encontro Nacional de Minis, em Avanca (Estarreja), onde a associação ganhou o prémio de fair-play entre 80 equipas, assim como a atribuição do Diploma de Mérito pela Assembleia Municipal de Odemira "em reconhecimento pelo empenho e trabalho realizado em prol do desporto adaptado no concelho".
"Destacamos ainda a organização, em parceria com Federação de Andebol de Portugal e a Câmara de Odemira, neste curto espaço de tempo, das fases finais do Campeonato Nacional de Iniciados, quer masculino quer feminino, bem como da fase final do Torneio Nacional de Selecções Regionais, que foram, por si só, mais um excelente contributo para a promoção do andebol no concelho", acrescenta Pedro Almeida.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - segunda, 22/07/2019
Presidente do Mineiro:
"É difícil terem
mais garra que nós"
Com a equipa de regresso ao Campeonato Nacional de Seniores em 2019-2020, o presidente do Mineiro Aljustrelense confia numa temporada positiva e tranquila para a formação tricolor.
07h00 - quinta, 18/07/2019
Mineiro Aljustrelense
regressa com ambição
O Mineiro Aljustrelense já regressou ao trabalho tendo em vista a sua participação na Série D do Campeonato Nacional de Séniores em 2019-2020, em que o grande objectivo será alcançar a permanência com rapidez.
07h00 - quarta, 17/07/2019
Diogo Gonçalves
no FC Famalicão
O avançado Diogo Gonçalves, de 22 anos e natural de Almodôvar, vai jogar em 2019-2020 no Famalicão, da Liga NOS, por empréstimo do Benfica, clube onde fez quase toda a sua formação e que já representou como sénior.
07h00 - terça, 16/07/2019
Pedro Caixinha faz
história no México
A formação do Cruz Azul, orientada por Pedro Caixinha, conquistou a Supertaça do México, permitindo ao técnico bejense entrar na história do futebol mexicano: é o primeiro treinador a ganhar as quatro competições do país.
07h00 - segunda, 15/07/2019
Jovem de Ourique
assina contrato
com o Benfica
O jovem avançado João Rego, de 14 anos e natural de Ourique, assinou no início deste mês de Julho um contrato de formação com o Benfica, clube que já representa desde a última época.

Data: 12/07/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial